quinta-feira, 30 de abril de 2015

Como engravidar como gente grande.

Sim, parece um título absurdo, mas a verdade é que mesmo nós, mulheres que nos consideramos pouco estúpidas, por vezes cometemos erros imbecis.  Nós demorámos algum tempo a engravidar, acho que foi, em parte, pela minha ansiedade e pelo desmame hormonal do anel contraceptivo (dizem que não há desmame, mas como não há se estamos todas mamadas de hormonas vindas "de fora" há anos e o corpo, de um momento para o outro, se vê sem elas?).


Aqui vão alguns truques: 

Ir a uma consulta de ginecologia/obstetrícia

Convém ir ver se está tudo bem com o nosso pipi, se não está a cair aos bocados por dentro. Se não temos por lá um tampão que nos esquecemos de tirar quando tínhamos 15 anos (há mesmo histórias destas). A GO (ginecologista/obstetra) irá mandar-vos fazerem análises ao sangue e isso, tomar ácido fólico, deixarem de fumar coisas esquisitas e de beber coisas que venham em garrafas de vidro.

Fazer sexo

Convém mesmo por a pilinha no pipi, senão a coisa não funciona tão bem a nível de criar um bebé. Também se pode por noutros sítios, mas para fazer um bebé tem mesmo de ser no pipi. E, em princípio, no da pessoa que se quer engravidar. 

Não usar contraceptivos

Parece óbvio, não parece? E é. Não convém estarmos a tomar pílula nenhuma, usar anel nenhum, nem chip nem não sei quê que já se usa agora. Nem instrumentos dentro do pipi que parecem estendais de roupa (é a ideia que eu tenho). 




Não fazer amor todos os dias

Nós queríamos tanto fazer uma Irene que fazíamos amor todos os dias e eu até anotava num calendário menstrual do iphone para saber se já tinhamos feito ou não e para depois ver quando é que tinha sido concebida. É estúpido e obsessivo, além de que fazendo amor todos os dias não dá tempo aos espermatozóides de amadurecerem o suficiente para serem capazes de fecundar o óvulo. Tem de ser dia sim, dia não. Ou seja, tem de ser um intervalo de 48 horas. Senão os tipos ficam todos fraquinhos e vão a tossirem-se todos até lá acima. 

Não achar que se vai conseguir logo

Costumo pensar que, quando não se quer é quando acontece à primeira e quando se quer é quando se demora mais tempo. Claro que há milhões de histórias que provam o contrário, mas o melhor mesmo é ver como "treinos" e não como "tiro ao alvo". Se der este mês, deu. Se não der, é mais tempo para planear umas coisas e arrumar outras, com calma. Como sempre, vamos odiar ter o período. Neste caso vai ser sinal de que ainda não estamos grávidas e vamos odiar o nosso genital. Odiá-lo como se de uma amiga traidora se tratasse. Vamos querer bater-lhe e cortá-lo com um daqueles instrumentos de cortar ovos cozidos às fatias que são muito giros.

Não se porem com tretas

Não se ponham com tretas da lua e de se fizerem amor às 11h30 que vai dar menino e se for às 2h34 e com um morango no rabo, que têm uma menina. Para mim, esse tipo de indicações têm a mesma credibilidade que um horóscopo. Já vos disse que tenho um amigo que se divertia a fazer um horóscopo para um jornal conhecido? Bom, aceitem o que vier e façam figas para que não saia igual ao pai. ;)



Posições que podem ajudar

Esta foi uma senhora da farmácia que me disse. Não sei se foi a gozar, mas parece-me fazer sentido. Estarmos por baixo, com uma almofada por baixo do rabo para inclinar mais o corpo. E depois até podemos ter durante algum tempo as pernas para o ar, para deixar os meninos escorregar tipo Aquasplash do Algarve.  Qualquer posição que faça com que os meninos não fiquem nem a marinar nem venham conhecer o maravilhoso mundo que existe fora de nós, é boa. 

Teste de ovulação ou lá o que é. 

Se calhar é indicativo de que falo demais, mas uma senhora de um restaurante na Rinchoa disse que ajudava muito saber mais ou menos quando estamos a ovular (claro que não tinha de ser uma senhora do restaurante a dizer isto, mas falou-me do teste e isso não sabia) e tentar nessas alturas. Depois de termos tentado "à vontade" lá fomos comprar esse teste e, pode ter sido coincidência, mas as coisas resultaram melhor. 




Para isto se tornar mais completo, mandem vir aí as vossas dicas nos comentários para as outras mães que estão a tentar lerem. ;)

26 comentários:

  1. Eu acredito que haja sim desmame hormonal. Quando parei de tomar a pílula tive o período normal, nos mesmos dias, com o mesmo fluxo e com a mesma duração de quando estava a tomar. Foi assim dois meses, ao terceiro mês quando foi para me vir o período quase morri, eram dores de cabeça, umas cólicas terríveis, passei uma noite de inferno. Acredito que foi nesses mês que o efeito da pílula sumiu de mim, coincidência ou não nesses mesmo mês engravidei. Claro que há de tudo, até mulheres que se esquecem de um comprimido e pimba, engravidam. No meu caso acredito mesmo que aquele episódio foi mesmo o meu corpo a voltar a funcionar naturalmente e sem hormonais artificias:)
    Carla

    ResponderEliminar
  2. E se fizermos tudo direitinho e não se engravida de nenhuma maneira? 8 anos e 4 tratamentos e chegou um pilas no ano passado :)

    ResponderEliminar
  3. Oh minhas amigas, eu estive mais de 10 anos a tomar a pílula (com muitos disparates pelo meio como tomar 2 caixas seguidas em Julho/Agosto porque aí de mim deixar de ir à praia e ficar em casa com o Período, adolescente parva, coitada! =|),
    Era super irregular e tinha uma cara do demo, cheia de acne! Como tal, pensei que quando eu e o meu namorado decidimos engravidar fosse demorar algum tempo, ora...deixei de tomar a Pílula no final de Dezembro, e para espanto meu fui super certinha e regular entre Janeiro e Fevereiro e em Março descobri que estava grávida! Foram poucos meses, não me posso queixar, mas mesmo assim, passava a vida a ouvir "então ainda não conseguiram?", "ai eu engravidei em 2 dias" ou "já não será estranho estarem a demorar tanto?" God! As pessoas realmente não entendem que o nosso corpo não funciona como um botão e que têm de saber respeitar e não se meterem na vida alheia.
    Quanto a posições...oh minhas caras o nosso pipi esteja como estiver quer é ser feliz, não se preocupem com posição x ou y que a coisa dá-se seja como for!
    Sou agora uma gestante de algumas semanas ainda muito clandestina e que está a viver tudo muito calmamente adora de paixão este blog e isto sem vocês não tinha graça nenhuma!
    Somos umas "Marias Capazes" mais que não seja porque levamos um Mundo de preocupações às costas, somos temperamentais nos nossos pensamentos e metemos o nosso melhor sorriso nos lábios e ninguém sabe o carnaval que transportamos num olhar ou sorriso!
    Natália.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia. Com a pilula sempre fui certinha, deixei de tomar em julho e este mes so me veio uma borra de cafe, nao sei se conta ou nao como menstruação, pois sempre que tenho a M tenho enxaquecas e colicas e este mes nao tive nada... fiz um teste e deu negativo...

      Eliminar
  4. Confesso ser daquelas mulheres horrorosas que engravidou no 1º mês e da 1ª vez que tentou. Mas uma ginecologista disse-me uma coisa q me fez sentido sobre o desmame hormonal: que as mulheres que tomam hormonas há muitos anos têm um pico hormonal na 1a ovulação a seguir a pararem de tomar, e depois os níveis baixam, demorando uns meses a voltar ao normal. E portanto, ou engravidam logo no 1º mês, ou só depois de uns meses. Comigo foi assim, e efectivamente senti um nível de desejo nessa altura que parecia que tinha voltado à adolescência ;) Mas como em tudo relacionado com gravidezes, varia imenso de mulher para mulher. A almofada debaixo do rabo faz sentido a nível físico, mas não quer dizer que a ejaculação tenha de ser nessa posição, é só para ajudar que todos cheguem lá :)

    ResponderEliminar
  5. A minha ginecologista sempre me disse que após deixar de tomar a pílula não convém engravidar logo. Devemos deixar passar uns 2 meses, para que o corpo de "limpe", assim os riscos de aborto ou mal-formações serão menores.

    ResponderEliminar
  6. Same here!! Depois da devida consulta na GO e análises mega completas,fiz o desmame e durante dois meses tomei ácido fólico. Engravidei logo no primeiro mês! Não houve tesde do período de ovolução, nem sei se tentávamos todos os dias ou dia sim/dia não, basicamente tentamos ser normais :) Funcionou!!

    ResponderEliminar
  7. Falta aqui uma... depois de fazer o amor, apetece-me sempre fazer xixi... e dizem que o "material" acaba por escorrer por ali abaixo... Mas olha, uma pessoa não controla estas coisas e o meu xixi é santo... como estávamos numa de engravidar mas "sem pressões" não liguei a isso e fui tentando sem sucesso ir ao meu xixi depois do amor... Deixei de tomar a pilula em Setembro, e em Outubro estava grávida... Nem acido fólico tive tempo de comprar :P Foi tiro e queda... Para mim o melhor truque de todos é este : "Sem pressões", senão a cabeça pode dar cabo de nós ...

    ResponderEliminar
  8. Aplicação no telemóvel para controlar ciclos: imprescindível! Como sou muito irregular, o registo de vários meses de ciclos menstruais ajudou no calculo do período fértil (que essas aplicações também fazem). Então quando a aplicação me diz que está a ser o ciclo mais comprido de sempre, pensei, espera lá que pode ter sido desta! Et voila!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tambem usei um aplicativo no tlmvl pa saber periodo/dia fertil ja k o meu ciclo nao eh dos "normais". Para confirmar a informacao do aplicativo tmb usei os testes de ovulacao. Isto 1ano antes de tentar e depois foi tentar dia sim, dia nao e PUFF, conseguimos na 1a tentativa. Se nao conseguissemos era treinar ate conseguir! :)

      Eliminar
    2. Ahhhh!! Ja tomava acido folico ha algum tempo por causa de outro problema, nao sei se isso ajudou ou nao!

      Eliminar
  9. Eu demorei 6meses para engravidar. Tomava a pílula ha 9anos. A minha obstetra receitou me o ovusitol, é um suplemento alimentar, segundo ela recomendado pelos médicos da consulta de infertilidade, o q faz é regular os ciclos e ajuda a ovulação. Coincidência ou não engravidei logo no mês q comecei a tomar!

    ResponderEliminar
  10. Eu sou daqueles casos em que não tinha pressa e foi tiro e queda... parei a pílula e no mês seguinte o periodo já não veio (até hoje, o piolho tem 8 meses). Outra: se fizerem o amor 2 dias antes da ovulação sai menina ( os gâmetas X são mais resistentes mas mais lentos). Se fizrem o amor depois da ovulação sai menino (os gâmetas Y são mais rápidos). Comigo conferiu.:)

    ResponderEliminar
  11. Ahahahah...adorei a descrição de fazer sexo XD

    Acho que falta uma coisa: tirar isso do pensamento. Sei que "tenho uma granda moral", afinal sou também horrorosa, como diz outra rapariga aqui, pois engravidei no primeiro mês sem pílula :-/ fiquri contente, mas não esperava.
    Em relação à parte de ir ao médico esperando algum aconselhamento...aqui em Inglaterra quando fui ao MF e disse as minhas intenções ela disse-me: "então pronto, deixe a pílula, tome ácido fólico e faça sexo. Volte quando tiver o positivo" hahahaha bem podia o meu pipi estar a cair de podre...

    Adorei o artigo apesar de não ter feito nada do que nele está (à parte do sexo ahahahah!) Estava na boa, mas havia algo em mim que, nem perguntem porquê, tinha medo de nunca conseguir engravidar....sei lá, sou daquelas pessoas que acreditam que tudo o que é super raro vai me bater à porta..enfim, tenho um lindo menino de quase seis meses agora, o amor da minha vida!!
    Desejava do fundo do meu coração que as mulheres (e cônjuges! ) não tivessem de passar por esperas que muitas vezes desesperam...

    Beijinhos e continuem :-)

    ResponderEliminar
  12. Outro truque é manter uma alimentação saudável e evitar o consumo de álcool. O ácido fólico pode mesmo ajudar para dar ao corpo as vitaminas de que precisa. E os médicos recomendam que se comece a tomar 3 meses antes de engravidar.

    Miss Sardas

    ResponderEliminar
  13. do rapaz foi uns 9 meses, desta segunda tentativa, ja vao em 34 ciclos e nada... azar do caraças, mas tb quando vier é logo aos pares de 3 :p

    ResponderEliminar
  14. e outra, aquela da tabela chinesa tá com nada mesmo, pk aqui o pilas dava nina, por isso tb nao treinem segundo a tão famosa tabela :p

    ResponderEliminar
  15. mais de 10 anos a usar o método natural como contraceptivo e depois fomos "relaxando" para ver no que dava. passadas umas 4 semanas senti as tais mudanças no corpo, fiz o teste, deu positivo e comecei a tomar ácido fólico. nunca usei pílula pq sempre tive receio dos efeitos secundários. Ah! e o vinho pode ser bebido com moderação.

    ResponderEliminar
  16. Para quem tiver utero invertido: no fim do sexo não se ponham de pernas para o ar. Almofada na zona pelvica mas de barriga para baixo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lol eu tenho e nunca me pus com posições malucas e muito menos de barriga para baixo e nunca tive dificuldade em engravidar.

      Eliminar
    2. Sorte a sua (o "lol" não percebo bem...). Não é maluco. É só o contrário do habitual dado que o canal tem outra direcção. Não é certo, mas ajuda. O saber não ocupa lugar...

      Eliminar
  17. 6 anos até conseguir o tão desejado positivo... Agora já faz 4 meses de gente! 😍
    Muita alimentação saudável (muito batido de fruta, vegetais e sementes). Controlar o período fértil pelo método natural e...coincidência ou não, no primeiro mês que usamos o Concieve Plus (lubrificante que ajuda no tempo de vida do esperma e na mobilidade) obtivemos finalmente o tão desejado positivo!

    ResponderEliminar
  18. Eu deixei de tomar a pílula em 2008 e engravidei em Junho de 2015 de forma natural.
    Sinceramente, no meu caso, o que acho que ajudou foi ter relaxado e ter comprado uns medicamentos para o meu marido, após muita pesquisa no dr. Google. A verdade é que em anos nc engravidei e neste aconteceu (e que felicidade!). Espero um bebé para 16 de Março como a Isabel (e um dia antes do meu aniversário).
    Nenhuma pessoa deveria ter de passar por meses e meses de negativos.
    É tão frustrante, tão desgastante...
    Sentimo-nos uma porcaria, alguém que não consegue o que é supostamente o nosso propósito como animais que somos que é procriar...
    Tive mts dias de choro, já não aguentava quando me perguntavam quando ia ter um bebé e chegaram a perguntar-me se não sabia como se faziam. Tinha vindo a menstruação nesse dia e chorei tanto que pensava q ia morrer de tristeza.
    Espero que todas as mulheres que procuram uma chance de serem mães que o sejam rapidamente e que possam viver a gravidez de uma forma plena e segura.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  19. Demorei 15 meses, as hipóteses também não eram muitas, mas após algum estudo consegui acertar na muche sem ajudas médicas. Já tinha tentado picas para induzir a ovulação, coito programado e nada. Assim, passei a tirar a temperatura com o termômetro e descobri que no ciclo que engravidei ovulei ao 23o dia. Para quem percebe desta linguagem. Ou seja, ovulei quando a maioria já anda de testes na mão há espera do atraso. Nesse mês o que aconteceu foi, fuo treinando dia sim dia não, mais ou menos durante o período fértil das pessoas normais, só para o caso de...como nunca mais a temperatura descia, ou seja, não tinha ovulado, num de semana dei-lhe gás, foram os 3 dias sendo que no fim não fazia xixi, não me levantava da cama nem sequer para vestir as cuecas. Really. Pernas para cima uns 10 minutos, pus papel higiénico a fazer de "rolha" e bons sonhos, na manhã de 2a feira voilá, a temperatura desce e nos dias seguintes sobe. Uhuuhhhh ou vai ou racha, e rachou. :) ah! Já sabem a posição do kamasutra favorável certo? Pois.

    ResponderEliminar
  20. Engravidar como gente grande, infelizmente, não é algo que dependa de nós. Decidi comentar para aquelas mulheres que não conseguem engravidar e continuam à espera, algumas já sem esperança. Por favor não fiquem em casa ad eterno a tentar e a achar que é normal não conseguirem. Nem se fiem em médicos de família que não sabem o que dizem... se têm menos de 35 anos e já estão a tentar há mais de 1 ano sem sucesso, marquem uma consulta de infertilidade (se tiverem mais de 35, não esperem mais de 6 meses). Às vezes não acontece uma gravidez por algo tão simples como a mulher não estar a ovular (e sem óvulos, não há bebés); outras vezes descobrem-se situações extremas como o esperma do marido ser problemático. Seja como for, é importante saber para, então, tomar decisões. Não vale a pena sofrer só porque sim, se não estão a conseguir, procurem ajuda.
    Eu estou a tentar engravidar há mais de 3 anos sem sucesso. Procurámos ajuda, fizemos exames, diagnóstico: Oligoastenoteratospermia (problema sério no esperma, portanto). Fizemos uma FIV ICSI sem sucesso, mas continuamos com fé num milagre, venha como vier. A quem está a passar por algo semelhante, muita força e mais fé ainda. Felicidades a todas.

    ResponderEliminar
  21. Estou a tentar engravidar agora, sendo que só deixei de tomar pilula em julho... acontece que não veio a menstruação em agosto e agora em setembro... já fiz dois testes de gravidez e deram negativo... pelo que ando as aranhas e não faço ideia se é normal, se ainda há possibilidade de estar grávida e muito menos qual é o meu periodo fertil para ir treinando... já vos aconteceu?

    ResponderEliminar