sexta-feira, 17 de abril de 2015

Acabei ontem a minha tatuagem em homenagem à Irene.

E acreditam que agora não doeu nem metade? Acho que da primeira vez doeu mais por causa da ansiedade, por não saber ao que ia. Agora até estava relaxada e, na conversa, tudo vai passando. Já vos tinha mostrado a minha tatuagem no final da primeira sessão (vejam aqui), mas não podia deixar de vos mostrar o resultado final. 

Se estiverem a pensar em fazer uma, pensem apenas no conceito e deixem a Tânia trabalhar. É bem melhor ter algo no vosso corpo para sempre que seja feito por um artista e não só copiado do Google. 

Ora, para rever a questão, fica aqui o desenho que a Tânia Catclaw fez (é uma tatuagem desenhada, é uma obra de arte):

Tinha-lhe pedido que fizesse algo que tivesse que ver com ser Mãe e com gostar de dar de mamar à Irene, por ambas as coisas me terem mudado tanto. Já há anos que queria querer fazer uma tatuagem e, desta vez, tinha tudo para fazer com que acontecesse. Ainda por cima a Irene adora ursos (que sorte!).




Ontem fui acabar a tatuagem e ficou perfeita. Adoro-a. Obrigada, Tânia, por me teres cortado as banhas dos braços. 

Sei que nem todas as mães sentem a necessidade de marcar algo que já é tão marcante só por si, mas mais alguma maluca por aí? 

Gostam? :) 

A Tânia aceita marcações pelo Facebook, vejam o trabalho dela para se inspirarem. 

Ficam aqui alguns dos últimos de que gostei mais: 






13 comentários:

  1. Ficou muito gira e super original! É algo que nunca te vais arrepender, acho que escolheste bem o lugar do corpo e está linda! Também sempre quis fazer uma tatuagem e quando o meu filho nasceu, encontrei um bom motivo. Tatuei a impressão do pezinho dele na minha perna e adoro ter ali uma marca dele!

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Está linda! Parabéns!
    Eu também senti necessidade embora por motivos mais tristes.
    Eu tive 4 filhos e só 2 é que estão vivos.
    Fiz uma tatuagem no meu braço com o nome dos 4 criando o símbolo do infinito, pois o meu amor por eles será até ao infinito e mais além.

    ResponderEliminar
  4. Linda, joana.
    Eu já tenho quatro e a quinta será sem dúvida algo relacionado com o meu pequeno :)

    ResponderEliminar
  5. Foi a Joana que escolheu, ou foi a tatuadora que a ajudou? Eu queria fazer uma para homenagear os meus 2 filhos, mas ainda nao me consegui decidir....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu dei só o tema, ela desenhou a sugestão e eu aceitei :)

      Eliminar
  6. Está linda! :) Parabéns à Tânia pelo trabalho magnífico! Joana, acho que o desenho tem tudo a ver contigo e com a Irene ;)

    ResponderEliminar
  7. Gosto muito de tatuagens, mas pessoalmente não gosto muito destas, são muito geométricas, a imagem tem várias figuras, acho que ficavam perfeitas se fossem mais simples. Mas isto é só a minha opinião que não vale nada. :)
    Mas os ursos estão fofos!

    ResponderEliminar
  8. Está para breve.. quero fazer dos meus pequenotes... falta-me a coragem!!!

    ResponderEliminar