quinta-feira, 9 de abril de 2015

Não devia estar a fazer isto.

Bem sei que é uma frase de filme rasca depois do primeiro beijo entre duas pessoas que estão a fazer sacanices, mas também se aplica neste caso.

Estou a fazer uma sacanice, mas não daquelas boas que nos fazem sentir marotas e que somos "who run the world". Não se trata de enfiar uma tablete de chocolate Milka pela goela abaixo numa noite em que, por acaso, até estava a ver a reportagem da SIC "Somos o que comemos". Segundo a lógica, sou uma tablete de chocolate Milka. Podia ser pior. 

Não devia estar a fazer isto, mas estou a protelar conscientemente a ida às vacinas. A Irene fez um ano dia 21 e eu devia ter estado lá 2 dias a seguir para vacinar a minha filha, mas não tenho conseguido. Devia ser mais fria, não é? É para vacinar, vamos embora. Tem de ser, tem de ser, mas custa. 



Talvez ajude compreender a minha questão, dando uma olhadela neste post. 

Já devia ter tomado as dos 12 meses. Já devia ter uma toma daquela vacina nova no bucho. Daqui a nada devia levar a Prevenar e estou a encavalitar tudo. Tudo por um trauma, tudo porque não me apetece ver a miúda a chorar desalmadamente. 

Que coisa tão pequenina, não é? Não querer ir às vacinas porque a miúda vai chorar. Eu tenho noção, mas é esta a mãe que sou. Sei que não devia estar a fazer isto, mas estou.

A ver se vou amanhã. 


18 comentários:

  1. Joana, gosto muito de vos ler mas hoje mereces um puxão de orelhas. É melhor ela chorar pelas vacinas do que depois tu chorares porque ela apanhou algo passível de ser prevenido pelas tais vacinas! Vai lá marcar! Rapidinho.
    Beijinhos e força nisso

    ResponderEliminar
  2. Concordo com a ISA ela vai chorar de qualquer maneira e vai passar rápido, mas também não tem que ser logo quando faz o ano :) o meu tomou dia 29 (tinha feito o ano dia 8) mas foi porque andava doente e a enfermeira foi adiando até ele estar mesmo bom.

    ResponderEliminar
  3. Olha, pelo menos com o meu, o choro foi diminuindo com a idade...e nas vacinas do ano só chorou quando sentiu as picadas mas mal lhe peguei ao colo parou! Vais ver que com a Irene é o mesmo e como agora vai ser no bracinho em vez da coxa talvez seja até mais fácil :)

    ResponderEliminar
  4. Eu compreendo que não gostemos que eles chorem mas adiar uma coisa pelo choro.... Até parece que ela NUNCA chora... Seja nas vacinas ou noutra coisa qualquer ela chora e custa-nos sempre :) Não há problema se não for no dia marcado claro, até porque tenho um menino que NUNCA fez as vacinas na data suposta, tinha sempre bronquiolites umas atrás das outras e isso não permitia levar as vacina e depois como bem disseste levou umas encavalitadas.. Olha teve que ser. Vai lá tratar disso e vais ver que chora ela e choras tu mas depois os miminhos apaziguam tudo :*

    Paula

    ResponderEliminar
  5. Não sei onde costumas ir às vacinas. Ali as enfermeiras do Hospital da Luz em Oeiras são maravilhosas. O truque que usei, foi distraí-la e quando a enfermeira picava abraçava. Dava um gritinho, chorava mas depois calava-se. A enfermeira até dizia que queria ficar com a gaiata lá porque ela era uma valentona. Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Tem paciência Joana, mas não há desculpa que te valha.
    Com as vacinas não há espaço para mariquices.
    É aflitivo vê-los chorar; é, é claro que sim, nem que seja por apenas 30 segundos. Mas tem de ser e pronto!

    ResponderEliminar
  7. Joana, força!!! Eu compreendo o teu trauma, lembro-me bem do que sofreste quando tiveram de tirar sangue à Irene... :( Mas olha que as vacinas são uma pica. Ela vai chorar sim, mas vai passar rápido. Não vão ter de andar à procura de veias e pica daqui e pica dali. É pica, dói, chora, e passa! Se puderes pede ao Frederico para ir contigo. É o melhor para ela. É mesmo! Bj

    ResponderEliminar
  8. Joana, és ou não uma mulher de armas?! Fazes ou não TUDO o que puderes pelo bem estar da tua filha? Ela está ou não nas tuas prioridades?
    Atão faz favor de levar a criança às vacinas porque mais vale chorar um bocadinho agora do que acontecer algo pior (juro que bati na madeira)...
    Vê o lado positivo, chorar faz bem aos pulmões!
    You got it Girl!

    ResponderEliminar
  9. Eu levo o pai, viro a cara e tapo os ouvidos na hora H!
    Se assim não fosse, era bem capaz de entregar a miúda nos braços de uma daquelas estagiárias que só ficam a olhar e dizer-lhe "toma lá, segura, que faz parte do teu futuro trabalho ser cruel!"
    Já sou mãe de segunda viagem e não consigo habituar-me! Confesso: chorei no BCG...
    Eu, mãe, só vou para dar colinho, maminha e miminho...

    Beijinhos às Joaninhas e Flores

    ResponderEliminar
  10. A sério? Tudo porque "não te apetece ver a mi«uda chorar"??
    Ainda não há muito tempo atrás li um post aqui sobre o surto de sarampo nos Estados Unidos...
    Vá, não sejas irresponsável..toca a ganhar tomates e resolver isso num instante! =) Os putos choram por tudo e por nada hoje em dia, eles nem sequer se vão lembrar! É 30 segundos e já passou e estão todos felizes e contentes a comer as mãos! Força! :)

    ResponderEliminar
  11. O meu fez as vacinas dos 12 meses aos 14...porque andou doente e não dava, depois os dias de vacinação no CS não me são nada convenientes! Mas pronto já tomou! E a nova vacina ainda não dei também.

    ResponderEliminar
  12. Joana, podes não acreditar, mas passa-se o mesmo comigo há quase um mês. Vacina dos 13 meses (Prevenar) (Faz 14 meses dia 15 de Abril). Tenho arranjado mil desculpas para não ir, mas hoje chegou o dia! Marquei para as 15h30 de hoje! Custa, mas tem de ir. Primeiro foi porque ia esperar receber (e aquela porra ainda custa quase 60 euros), depois recebi, e veio a Páscoa (não queria que ela passasse aqueles dias conosco em casa e com possíveis reacções à vacina) e desde segunda feira que me estou a preparar para levá-la. Está-me a custar tanto. Por isso, mais uma vez, estou contigo!

    ResponderEliminar
  13. Dá maminha logo depois (eu já vou quase de mama de fora) para ela acalmar! Beijinho

    ResponderEliminar
  14. Vá lá Joana, isso passa num instante. Nesta idade quase nem percebem o que é, choram porque lhes dói e pronto, passa logo com o mimo da mãe. Pior é quando são um bocadito maiores e começam a perceber...aí sim é que é mais chato :P Força aí ;)

    ResponderEliminar
  15. Não dá pra censurar... Tive uma experiência semelhante (excepto q no meu caso, tinha mesmo ser) com a minha filha, quando ela tinha 12 meses rebentou uma bolha de sangue q lhe tinha aparecido por baixo do olho (fruto d um arranhao), sangrou abundantemente mais de 3h e ninguem conseguiu estancar em Setúbal, toca de ir pro Estefânia p ser cosida (tivemos direito a ambulancia e tudo). Os médicos deitaram-na anestesiaram-na, e aí já ela chorava, aflita. Deram o primeiro ponto, quando chegaram ao segundo, o filho da mãe do médico deve ter atingido uma zona mais funda não anestesiada - e ele viu q fez asneira, viu-se na cara dele - pq ela congelou uns segundos, olhou para mim, tipo "pq estás a deixá-los fazer-me isto?", e começou a berrar como nunca vi, um choro de dor. Eu tentava consola-la e era impossivel, apenas quando acabou, pude po-la na mama, os soluços lá cessaram eventualmente e adormeceu. NUNCA me vou esquecer. Ela desde então tem medo de médicos, até p pesar e medir chora e, desde então,eu detesto os dias de ir ao médico. Mas tem de ser... quanto a vacinas, desde sempre (ela tem 18m) q a ponho na mama durante a pica, e ela pára de mamar p chorar, mas rapidamente pega na mama de novo p se consolar. Faz isso! Força e coragem! Depois dos 18m n ha picas ate aos 5 anos!!!

    ResponderEliminar
  16. Já vi no FB que foste tratar do assunto! Linda menina! :)

    ResponderEliminar
  17. Oh Joana!!!
    Fico contente que o tenhas feito, porque a tua consciência assim o ditou, mas também não ponhas um peso tão grande em ti por o adiares. Passaste por uma situação complicada, e depois, nem todas as vacinas são indispensáveis!
    Outras mães são capazes de me cair em cima, e antes de mais digo que ao Manuel não falta nenhuma, mas a verdade é que sempre antes da vacina eu recebia um folheto informativo e ia para casa. No dia da vacina antes de a darem a pergunta se eu queria mesmo dar, era obrigatória. Muitos pais optam por não dar vacina, ou dão apenas algumas... Aqui é normal, por isso relaxa... Se calhar a vacina pode esperar um pouco ou até mesmo nem ser necessária 😉😘

    ResponderEliminar
  18. ui, isto foi a história da minha vida na semana passada... chego lá toda pimpona, garrafa de água congelada para "anestesiar" a perninha, pumba, é no braço... Pumba, duas vacinas! E chorou, chorou, chorou... mas levei o sling de argolas, andou juntinho a mim a hora seguinte e ficou bem disposto (dentro do possível não é......)!

    ResponderEliminar