a Mãe é que sabe... ajudar!

Esta ideia surgiu por causa daquele provérbio africano "it takes a village to raise a child". É a mais pura das verdades. Apesar de vivermos num tempo e num contexto em que tantas coisas estão tão facilitadas, noutras estamos completamente sozinhas. Às vezes por opção, outras por causa de como as coisas se desenrolam, mas o mais normal é porque as famílias já não estão assim tão perto umas das outras. 

A Joana e eu estamos, tal como vocês, em alguns grupos de mães pelo facebook fora e assistimos a uma grande ligação entre todas, a uma vontade grande de ajudar e de identificação. Pensámos: e se passassemos isto para a "vida real"? Quem melhor, neste momento, para ajudar outras mães que... quem acabou de passar por isso? Nós, as outras mães? 

Então... aí surge o... 





As ilustrações são da nossa Maria Bouza, que também esteve com a mudança da imagem do blog em mãos e achamos que o desenho é mesmo na muche. É esta a nossa intenção. Ajudarmo-nos mutuamente, a levantar, de braços dados, por muito diferentes que sejamos entre nós. Acreditamos que é mais uma forma de tentar unir-nos, de aprendermos a tolerar a diferença e, em último caso, a aceitarmo-nos também.

Já agora, o nome não quer dizer que SÓ a Mãe sabe ajudar, é o nome do nosso blog e um empurrão para as mães passarem a cuidar mais uma das outras também ;)


No que vai consistir? 


- A Joana Paixão Brás e eu vamos fazer um passatempo em que a família vencedora irá receber-nos em casa durante um dia (grande moral, nós sabemos).

- Durante esse dia, em casa dessa pessoa, vamos ajudar a pessoa a fazer o que ela precise e o que seja possível que nós façamos, mesmo que seja varrer a cozinha ou limpar os azulejos da casa de banho.

- Vamos ter algumas marcas connosco e que vão oferecer cabazes e facilidades à família vencedora.

- Ao longo de todo o processo, vamos reportar tudo nas redes sociais. Vamos documentar a preparação, a ida, o dia e o após. É uma espécie de "Querida, mudei-te o dia de hoje". É claro que não é num dia que vamos mudar "a vida de alguém", mas podemos inspirar e podemos ajudar qualquer coisa, achamos nós.

- Queremos que isto aconteça várias vezes ao longo do ano, mas tudo será mediante a aceitação, a vossa participação e o resultado. Haverá mães por aí que queiram dar a cara e, melhor que tudo, nos queiram receber em casa?


Como participar no projecto? 


As marcas que queiram entrar no nosso projecto, podem contactar-nos via e-mail (amaeequesabeblog@gmail.com) que respondemos com as condições.


A primeira vaga, tudo a correr como previsto, será já a 20 de Abril.

Podemos contar convosco?






Sem comentários:

Enviar um comentário