quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Vou mudar de vida. Completamente.

Antes de ter a Irene, pensei que o que seria mais agradável para mim seria uma casa com muitos armários (adoro ter tudo organizado) e perto do trabalho. E o que é facto é que assim foi. Conseguia ter a roupa de Verão num armário e a de Inverno noutro. Isso para mim era sinal de sucesso. Demorava também 15 minutos a chegar ao trabalho e de comboio. O que é isto? Qualidade de vida.

Não pensava nem em me casar nem em ser mãe, pelo que pensei que fosse morrer aqui e bem. Feliz. 

Depois conheci o Frederico que me fez querer ter a Irene e uma casa para a Irene tem de ser mais do que estar ao pé do comboio e ter muitos armários. Também comecei a querer ter outras coisas. Quero também uma casa bonita, com uma vista bonita, com um jardim bonito onde dê para ela se chafurdar na lama comigo a vê-la na cozinha enquanto tento fazer um bolo de natas que lhe vai dar imensos puns e a mim também. 

Quero conseguir estar no quarto dela e abrir a janela sem ter que afastar a cama, por exemplo. Quero poder secar a roupa no Inverno, sem ter que por a roupa no corredor e a casa ficar ainda mais húmida. Enfim, problemas que são só "problemas", mas que dão vontade de não os ter. 

Queremos que o pai possa falar na sala e fumar algures sem nos acordar nem nos fazer mal. 

Depois de alguns anos e de muitas peripécias que nos deixaram em baixo, muito tempo e muitas visitas, muitos e-mails, muita coisa envolvida, lá conseguimos encontrar o sítio que nos parece ideal para a nossa casa.

Comprámos um terreno e vamos construir uma casa para a nossa família. Isso vai implicar um grande esforço de todos (menos da Irene, espero), mas vai valer a pena. Mesmo. 

Não sei quanto tempo vai demorar até irmos para lá, não faço ideia, mas não interessa. Já é um "sonho" que está a correr em background na minha cabeça todo o dia. 

Estas fotografias foram no dia em que fomos ver o terreno que o papá descobriu. 

Passo-me com a roupa de Inverno para eles. Para rapaz também. 

A Irene, a avó e a mamã. Felizes à chuva, mas achando que a Irene estava debaixo do chapéu da avó. 

23 comentários:

  1. Entendo-te! Adoro a nossa casa (apartamento) mas o nosso sonho também é ter uma casa construída por nós. Só ainda não encontrámos o terreno ideal, para o resto da vida :D
    Filipa

    ResponderEliminar
  2. Percebo perfeitamente! Nós também queremos uma vivenda com terreno, para que a Carolina possa correr e brincar com a Vénus (a cadela) e eu possa estar na cozinha, olhar pela janela e vê-la lá fora a brincar :)

    ResponderEliminar
  3. Comprei as mesmas botinhas pra minha Mia :) adoro!

    ResponderEliminar
  4. Oh Joana, fico tão feliz por si!! Fico mesmo! E é só isto, a felicidade de uma mãe por outra mãe :)

    ResponderEliminar
  5. Joana, construir casa é (não vou mentir) um pesadelo!!!! Especialmente para quem é perfeccionista e quer as coisas bem feitinhas. E quando digo perfeccionista não estou a falar em casas complicadas, de arquitecturas complicadas, nem grandes, nem nada disso... Estou a falar em coisas simples, como ter paredes direitinhas :p mosaicos e azulejos bem aplicados, boas práticas que permitam que a casa seja depois confortável e não seja um poço de humidade, de salinidade nas paredes, enfim... Características básicas, que sempre vi nas casas dos anos 80 mas que hoje em dia parecem quase uma miragem porque há muito pouco profissionalismo no mercado das obras... Há momentos que só nos apetece chorar... há momentos que choramos mesmo... A minha casinha não é grande, nem é pequena, é bem aproveitada. 170 metros quadrados bem aproveitados que nos permitem ter divisões grandes sem nos metermos em loucuras de mansões que tanto se vêem por aí. Tenho aqui tudo o que preciso: uma boa sala para poder receber a família e os amigos, uma ótima cozinha, cheia de armários com espaço para nos movimentarmos à vontade, sem andarmos uns em cima dos outros, 2 casas de banho, um pequeno escritório e 3 quartos, todos eles bons. Posso dar-vos várias dicas, coisas importantes para depois não sofrerem grandes decepções com problemas graves de humidade ou defeitos grosseiros que tornam a casa numa vergonha ;) Agora a boa e grande notícia: VALE TUDO A PENA!!!!! Todo o trabalho, todas as noites em branco a pensar como resolver os problemas, toda a vida que deixamos de viver enquanto está a decorrer a construção, tudo vale a pena a partir do dia que entramos com as malas dentro da nossa casinha!!! Dali até ao céu é tudo nosso. É a qualidade de vida autêntica! O jardim, o páteo, o quintal... Não ter vizinhos em cima, nem em baixo, nem ao lado que nos impedem de dormir, de ouvir televisão, que nos mandam com lixo para a nossa roupa estendida na varanda, ohhhhhh, nem se pode comparar!!!! Por isso, só vos posso mesmo dizer: VALE MUITOOOOO A PENA!!! Boa sorte!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade.... construir é um pesadelo (vivi 2 vezes pelos meus pais), mas é um pesadelo que eu quero viver na primeira pessoa! ahahahha!!! :)

      Eliminar
    2. Como eu sublinho no final, é um pesadelo que vale muito a pena :D Apesar de tudo, vale muito, muito a pena!!

      Eliminar
    3. Podemos falar? ;) Escreva aqui o seu mail, pff que eu não aprovo e fica só para mim :) Obrigada!! Ou o link do Facebook :P

      Eliminar
    4. Também confirmo: vale imenso a pena, parabéns pelo passo em frente.
      E venho dar um testemunho de esperança: como as vossas histórias ouvi "n" antes de me lançar no meu projeto. Que resvala sempre no orçamento e no cronograma, que é só gente mal formada e pouco educada, que não nos respeitam, etcetc. E também tive experiências assim de pouco profissionalismo na minha casa de solteira. Mas quando construímos a nossa, garanto-vos, nada disso aconteceu. Acho que também é preciso ter sorte com os profissionais que escolhemos e nós tivemos, graças a Deus.
      Joana, só para ter uma ideia, abriram o buraco num dia 4 de julho e nós mudámo-nos no dia 13 de junho do ano seguinte. 11 meses de obra no total e posso assegurar que nada foi feito à pressa, antes pelo contrrário, sempre consideraram a nossa opinião (às vezes até no-la pediam para coisas que, por mim, escolhiam eles!).
      Também posso passar o contacto por comentário não aprovado, se quiser! ;)

      Eliminar
  6. Se precisarem de uma arquitecta, disponham ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podemos falar? ;) Escreva aqui o seu mail, pff que eu não aprovo e fica só para mim :) Obrigada!! Ou o link do Facebook :P

      Eliminar
  7. Oh que maravilha. :) Nós vivemos num T2 muito pequeno no centro de Ponta Delgada... Na altura foi o que conseguimos comprar. Também gostava de ter uma casa com um jardim, onde pudesse estender uma rede e tivesse um espacinho para cultivar ervas aromáticas e tomates cherry . :P Mas o meu problema é tenho espírito de nómada: "Hoje estou aqui, amanhã estou ali." É difícil criar raízes num sítio. Em 10 anos mudei de casa umas 10 vezes. :D
    Fico super feliz por vocês! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um dia ainda me mudo para aí....

      Estive aí uns dias e fiquei fascinada...
      Estive num apartamento mesmo ao pé da porta do sol... e aquele passeio com a minha bebé pela marina sabia tão bem lol

      Eliminar
  8. Parabéns Joana!
    É realmente outra qualidade de vida, para todos!

    E aproveite os conselhos da Míriam Gil, só quem já construiu sabe as dificuldades e o que não voltaria a fazer numa próxima :)

    bjs

    ResponderEliminar
  9. Olá Joana! Se precisarem de um arquitecto (neste caso arquitecta) posso ajudá-la. Muitas felicidades e bons projectos ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podemos falar? ;) Escreva aqui o seu mail, pff que eu não aprovo e fica só para mim :) Obrigada!! Ou o link do Facebook :P

      Eliminar
  10. Como te entendo... já temos a nossa casa à venda para fazer a mesma coisa. E vamos conseguir :) boa sorte também.

    ResponderEliminar
  11. A gabardina é muita gira...fica mesmo gira!
    E a avó muito divertida...:)

    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Boa tarde Joana,
    Desejo-lhe a maior sorte na concretização desse vosso sonho e que essa casa vos traga muitos momentos felizes no futuro :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Joana, eu terreno tenho e em princípio vamos construir mas uma de madeira super fantástica.... a empresa será esta:https://m.facebook.com/profile.php?id=214833175366582

    Óptima qualidade e super rápidos na construção... acompanhei a construção de uma aqui em Ponte e fiquei encantada


    Já a minha experiência com arquitectos e construção de casa de raiz também não é a melhor... o nosso problema foi a câmara aprovar o projecto lol para depois ver um engenheiro da câmara a construir uma como o projecto original... enfim


    Boa sorte!!!

    ResponderEliminar
  14. Olá Joana! :) Vou deixar-te aqui a página do facebook de um amigo meu que é arquitecto e o site dele:
    https://www.facebook.com/MDarquitetura?fref=ts
    http://www.mdarquitetura.pt/

    Beijinhos e boa sorte nesta nova etapa :)***

    ResponderEliminar
  15. Olá Joana,

    Sou mais uma leitora assídua que lhe pode recomendar um arquitecto 100% de confiança na zona da Grande Lisboa.
    Se quiser o contacto, é só dizer.

    Beijinhos

    ResponderEliminar