terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

A minha filha deve pouco à inteligência

Não deve nada!!! Sou como todas as mães babadas e acho, claro!, que ela é uma espertinha cheia de graça. Mas não deixo de achar piada às tentativas frustradas dela em fazer algo: saltar, dizer algumas palavras difíceis, ordenar os números e coordenar movimentos. Aqui é ela a tentar dizer que tem dois anos. Adoro, adoro. Coisa boa da mãe. Tão minha!




Obrigada, Cátia, pela paciência... mas a miúda sai à mãe :) hehe

7 comentários:

  1. hahahah muita fofa!
    quando fizer 4 já sabe!

    ResponderEliminar
  2. Caaaalma, mais dia menos dia ela aprende! O meu tem 26 meses e só há coisa de 1 mês aprendeu a fazer o dois com os dedinhos! Expliquei que o polegar tinha de segurar os dois dedos da ponta, para os outros ficarem esticados :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho calma, pois! Sou anti stress nestas coisas, acho é super piada ao esforço deles e à atenção! Tenho a certeza de que durante a noite andou a treinar, tantas foram as vezes que acordou heheh

      Eliminar
  3. Não sei se a sua filha vai adorar ler estas coisas quando crescer, mas tudo bem.....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se tiver sentido de humor, como a mãe, vai. Se não tiver, então realmente não vai ficar a dever muito à inteligência... ;) (voltei a ser irónica, não sei se percebeu)

      Eliminar
  4. Ahahah, são tão giros, a quererem esforçar-se por fazer algo bem.
    Com treino ela vai lá, já só falta baixar mais 2 deditos :-)
    A minha começou por ajudar com a outra mão, segurava os dedos que não precisava e ficavam lá só 2, agora já consegue embora às vezes seja preciso alguma ginástica (acrobática).

    ResponderEliminar
  5. Oh Joana... Com a mesma idade a minha já sabe a tabuada... veja lá!!!!

    (comentário irónico! :D)

    ResponderEliminar