sábado, 11 de julho de 2015

Ajudem-me nisto, pff!

A Irene ainda só mede à volta dos 74 cm e não tem 10kg, mas eu estou a embicar com a questão do espaço que ela tem na cama. Dantes, quando lhe dava mama e ficava só paradinha na cama, não havia problema, mas agora que tenho de vê-la a rebolar-se toda de um lado para o outro, a bater com o pé nas grades, a ir com a testa contra o contorno de berço da cabeceira, começo a pensar se ela não seria mais feliz numa cama para crianças. Não digo uma cama de solteiro que isso é muito alto para ela, mas uma cama daquelas do Ikea.

Tenho imensa vontade de fazer um quarto montessoriano (tipo isto) para ela, mas tendo sempre o chão da nossa casa com imensos pelos de gatos (são dois e deitam imenso pelo), não sei porquê sinto que ela cuspiria bolas de pêlo numa semana ou duas. 

Tenho, por hábito, dar-lhe coisas demasiado cedo... Tentei tirá-la do ovinho muito cedo, dei-lhe brinquedos antes da idade própria... Não por ser louca pela estimulação, mas porque me parece fazer sentido (muitas vezes... engano-me).

Não tenho medo que ela caia do berço, nem nada. É só mesmo bater com os pés nas grandes e ouvir barulho que me faz confusão. 

Quando é que vocês passaram os vossos e como correu?

20 comentários:

  1. Esse bater constante nas grades, pk tem pessimo dormir foi o q me fez muda-lo perto dos 2 anos sensivelmente. Ele era um pouco maior q a Irene e já tentava trepar o berço, penso q se as quedas estiver acauteladas p 1 barra só é benéfico p eles.
    Ela vai adorar entrar e sair da cama ;)

    ResponderEliminar
  2. Aqui, mais ideias:
    http://www.hellobee.com/2014/05/20/ikea-kura-hack/

    http://www.apartmenttherapy.com/the-kura-loft-bed-hacked-10-ways-179847


    ResponderEliminar
  3. Quando mudei os meus, mudei-os logo para a cama "grande". As primeiras noites (e segundas e terceiras...lol) andava tipo coruja à noite a ver se eles não caíam... Depois lembrei-me de pôr 1 colchão daqueles tripartidos (de campismo) à beira da cama. Mesmo que caíssem, não se magoavam... Era só o susto. Nunca cairam, mas eu ficava mais descansada. Correu tudo bem.
    Não acho aquelas camas tipo ikea muito bom investimento. Eles crescem num instante...

    ResponderEliminar
  4. Eu acho cedo... ela ainda nao tem noçao e pode cair da cama mesmo c aquelas protecçoes de "rede", porque pode levantar-se e mandar-se pro chao, firmar-se naquilo e tombar. na idade dela julgo a cama de grades a melhor opçao, mas pergunta à enfermeira ou pediatra.

    ResponderEliminar
  5. Sinceramente Joana acho que se está a querer apressar! é que por essa lógica eu tinha que mudar também a minha filha que se mexe imenso e tem 8 meses 74,5cm e 9,930!! é do tamanho da Irene portanto :P cama de grades tem 1 metro e 20 e vai ter que dar durante muito tempo.

    ResponderEliminar
  6. Acho que deves fazer o que achares mais indicado. Tenho amigas que passaram logo para a cama de solteiro por essa razão, e as filhas passaram a dormir melhor. O meu também se mexe bastante mas geralmente não bate nas grades. Considerei a hipótese de comprar dessas camas do Ikea, mas fiz contas e entre cama e colchão, para depois dali a poucos anos estar a trocar... Achei que não valia mesmo a pena. Entretanto vem outro piqueno e assim quando o meu fizer os 2 anos passo para a cama de crescido e mais tarde compro outra igual para o mano.

    ResponderEliminar
  7. Olá boa noite! Desde já muitos parabéns pelo blog, leio e normalmente não comento mas identifico-me a 100%... A nossa C tem um ano e um mês e tem 73 cm e quase 8 kg... Um pisco para comer! A nossa C tb rebola, bate com os pés, às vezes com q cabeça mas eu acho que ela ainda está bem, nós temos uma cama de grades mas um pouco maior do que o tamanho tradicional. Para já vou mantê-la assim!! Bjs

    ResponderEliminar
  8. A Mafalda passou para o seu quarto com um ano,
    Ainda com a cama de grades mas por pouco tempo
    Passados uns 6 meses mudamos para a cama de solteiro
    Foi uma fase muito difícil, muitas noites a levantar de duas em duas horas, primeiro porque chorava depois perdia a chupeta...enfim....foi realmente uma fase muito dura
    Mas não me arrependo e valeu a pena quando ouço mães relatarem que os miúdos dormem na cama dos país
    O truque é não desistir e não ceder!!!


    ResponderEliminar
  9. Olá Joana
    O meu passou cerca dos 2 anos e meio para uma cama de solteiro (por acaso é do ikea), encostada à parede e com um colchão de campismo no chão, para não se magoar se cair. Ele mexe-se muito, às vezes quando vou lá vê-lo e ele está nas posições mais incríveis, atravessado com a cabeça de fora, atravessado com os pés de fora, virado com a cabeça para os pés da cama, todo enrolado nos lençóis, aquilo é uma agitação, mas cair da cama abaixo só caíu duas vezes (agora tem 5 anos, é uma boa média), uma delas nem sequer acordou, quando o vi estava deitado no colchão do chão. A outra assustou-se mas foi só isso, não se magoou. Mudei-o precisamente porque levava a noite a acordar-me com as pancadas que dava nas grades (ele nao acordava, era eu mesmo). Acho que passou a dormir melhor (ele quase faz desporto a dormir, mas dorme bem a noite toda), além de ter adorado mudar para a cama dos crescidos. Beijinhos
    Helena Santos

    ResponderEliminar
  10. Aquelas caminhas pequeninas que crescem c o tempo parecem-me bem para a tua irene. Depois até pode sair e ir a correr para a tua cama durante a noite. Nem tens de ter levantar. Eheheh

    ResponderEliminar
  11. olá, boa noite! Vou partilhar a minha experiência... o meu filhote também sempre foi muito comprido, de altura, pernas e braços, portanto passei pelo mesmo... com cerca de 8 meses tive mesmo de lhe tirar a cama de grades, era horrível porque ele acordava sempre que batia nas grades quando se virava de um lado para o outro durante a noite, e sempre teve um sono muito mexido! Optei por passa lo para cama de solteiro, achei as camas júnior pouco largas tendo em conta a sua agitação noturna. Na altura também achei muito alta, então até aos 2,5 anos dormiu literalmente com o colchão de solteiro no chão com almofadas à volta e muito raramente saia do colchão - uma excelente hipótese pelo método montessoriano, sempre que ele acordava vinha ter comigo à cama, sem me chamar. Mas eu não tinha animais em casa, mas sugiro que arranje um sommier daquelas mais finos, existem de 10-15cm de largura, sem os pés e coloque o colchão em cima, mesmo assim fica com uma menor que a cama de solteiro, e arranje protetores laterais para prevenir as quedas!

    ResponderEliminar
  12. Olá boa noite... A minha princesa tem 18 meses, e já dorme na cama de casal ( já tinha esta no quarto, e não fui comprar outra mais pequena) ... Ela estava sempre a acordar, penso que era por bater nas grades e de não se conseguir mexer muito.... Para além do mais ela já se mandou da cama abaixo, e do parque, então também nunca estava descansada... Agora dorme a noite toda... E de manhã sai da cama dela e vem para a nossa...��
    Coloquei a cama encostada á parede, e do outro lado tenho uma almofada grande e um endredon como um chouriço.... Até agora tem corrido bem...

    ResponderEliminar
  13. Olá! Que idade tem a sua princesinha?
    Eu vou falar na minha experiência pessoal com a minha filha:
    Ela começou por dormir numa alcofa dentro da cama de grades, que era já para se ir habituando quando lhe fizesse a retirada da alcofa (que foi ao fim de 3 meses porque o tempo começou a aquecer e ela a ficar bem grande! Aos 7 meses, como dormia toda a noite, passei a sua cama de grades para o seu quarto, onde dormiu até fazer 2 anos (mas com a cama de solteira la no quarto, onde ela brincava e já se habituava à sua presença. Dormi nesta cama nas primeiras noites, para ela não estranhar de todo a mudança, e também aproveitei esta cama quando ela estava doente e sabia que tinha de acordar várias vezes durante a noite). Feitos os 2 anos, coloquei uma proteção na cama de solteira (e encostei-a à parede no lado não protegido), e ficava sentada no pequeno sofá que lá tem no seu quarto até ela adormecer, mas foi apenas nos primeiros dias.
    Ainda hoje, com 4 anos, dorme nessa cama com a proteção e encostada na parede, mas estou a pensar tirar-lhe a proteção assim que faça os 5 anos, porque ela não cai da minha cama quando dorme lá comigo (embora seja raro, porque a habituei a dormir sozinha desde bebé, mas um miminho de vez em quando não lhe faz mal nenhum!).
    Ela, enquanto dormiu na cama de grades e estava grande, também lhe acontecia dar uma cabeçadita ou um pontapé de vez em quando, mas como não chorava era porque não se magoava. E outra coisa, ela nunca caiu da cama de solteira com a proteção, até adorou porque podia sair da cama sozinha, com o degrau que lhe coloquei no fundo da cama onde não alcançava a dita proteção.
    Dito isto, foi assim que eu fiz, o que não significa que faça o mesmo.
    Vou dar-lhe um conselho como mãe e como alguém que trabalha com crianças há uma década: antes de tomar uma decisão como mãe, ponha a sua razão e o seu coração a discutir a situação. A solução do problema tem que ter obrigatoriamente metade de razão e metade do coração!...

    ResponderEliminar
  14. Olá, eu só mudei o meu pelos 2 anos e meio e só porque o apanhei a querer saltar a grade já com a perninha de fora!
    A partir daí, foi ele a sair da sua caminha ( júnior) e aparecer na sala... :)

    ResponderEliminar
  15. Como eu te entendo. A nossa L esta com 9 meses e a cama de grades parece ser uma prisão para ela. Ainda dorme no meu quarto e mesmo assim já me levanto muitas vezes, pensava passa-la esta semana para o quarto dela, mas com tantas reclamações dela por falta de espaço :( não sei o que faça.

    ResponderEliminar
  16. Como eu te entendo. A nossa L esta com 9 meses e a cama de grades parece ser uma prisão para ela. Ainda dorme no meu quarto e mesmo assim já me levanto muitas vezes, pensava passa-la esta semana para o quarto dela, mas com tantas reclamações dela por falta de espaço :( não sei o que faça.

    ResponderEliminar
  17. Olá Joana,

    O meu filho é muito grande, e ficou na cama de grades até aos 2 anos, mas já estava apertado...
    Lá comprei uma cama de solteiro e meti uma protecção para não cair, ele adora, porque é uma cama de crescido!

    bjs *

    ResponderEliminar
  18. Por estar sempre a bater nas grades e até mesmo ficar com os braços presos pq tem um dornir muito agitado, comprei uma cama das de vaigem para a minha filha ainda el não tinha um ano. Resolveu bastante pq é como uma rede e trava a mas não magoa. Meti o colchão da cama de grades na outra e tem sido bom. Agora tem 2 anos e 5 meses e vou comprar uma cama das maiores mas pq está grande e começa a ficar apertada.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Porque é que não fazes uma espécie de estrado com paletes? Fica com uma altura bem pequena e pintado com umas cores giras fica tão fofinho! acho que era uma boa hipotese!

    ResponderEliminar
  20. Eu optei por uma cama do Ikea e a minha filha adorou, vê aqui: http://blogdababym.blogspot.pt/2015/07/o-quarto.html
    Cresce com a idade e elas adoram poder entrar e sair!
    Fica a sugestão
    Bjs

    ResponderEliminar