quarta-feira, 15 de julho de 2015

What? Mãe de gémeos, grávida de... gémeas!

Fiquei pasma. A Mariana, com 31 anos, é a mãe dos gémeos Matilde e Tomás e está grávida, de 32 semanas, de gémeas! Pelos vistos, na vida dela, tudo acontece Aos Pares, um blogue que nasceu ontem e que tenho muita curiosidade em acompanhar. Se com um já é o que é, com quatro, em idades muito, muito próximas, deve ser uma grande prova de coragem! 



"Já diz o ditado: “Depois da tempestade, vem a bonança”… Pois é, passado o susto de saber que estava novamente grávida de gémeos, em especial por ser em tão pouco tempo, vem a felicidade de assumir um novo barrigão.
E tem sido com essa felicidade e graça que tenho levado este momento. A gravidez está a correr lindamente, nada de anormal ou preocupante, apenas um pouco de anemia, mas nada que uma dose de ferro não ajude!
Claro que ser mãe de 2 + 2, em tão pouco tempo, tem os seus efeitos menos bons. Tive que parar de trabalhar pelas 19 semanas, pois já não aguentava estar todo o dia sem descansar. Claro está que o médico nem me deu hipóteses!
E mais: os esforços físicos foram proibidos e já não posso andar com eles ao colo. Assim, para nos ajudar nesta empreitada, tivemos que contratar uma empregada. Tivemos imensa sorte, a nossa empregada além de ser nova e ter muita energia, apegou-se imenso aos nossos gémeos. E como uma sorte nunca vem só (sei que a expressão é azar, mas nunca é tarde para a inverter e dar graças pelas coisas boas que nos rodeiam) a ajuda das nossas famílias e amigos tem sido muito importante.
Ainda que a palavra de ordem no meu dia-a-dia esteja a ser descanso, aprendi a dar muito sentido a uma outra: planeamento! De facto, com as coisas bem planeadas, há tempo para descansar sim, e tratar destas novas princesas que aí vêm, mas não descurar dos gémeos que já cá andam!
Temos vivido muitos bons momentos juntos. Entre idas à praia, à piscina, ao parque, ao jardim… uma coisa sempre se impõe: eles não perdem o sorriso que tanto os caracteriza. E enche-me o coração, vê-los a rir, deixando aparecer aqueles dois dentes da frente que lhes dá um ar de que fizeram asneira."






A página de Facebook do Aos Pares, aqui.

7 comentários:

  1. What???
    Isto sim é dose, aliás é dose dupla :-)
    Eu com uma de 2 anos, pensar noutro assusta, meto as mãos à cabeça e não avanço, quanto mais com 4...
    Engraçado, divertido e enriquecedor será sem dúvida. mas cansativo também. Muita força mamã Mariana e família.

    Parabéns para o "Aos Pares" que acho que também seguirei atentamente.

    Beijinhos a todos :-)

    ResponderEliminar
  2. Pois!
    Vi este blog ontem e fiquei incrédula.
    Como é que é possível.

    ResponderEliminar
  3. Bem, eu sendo gémea nunca na vida quero ter gémeos, mt menos em dose dupla!!! Sei bem o que os meus pais passaram... Mt mt trabalho! Tb tiveram a ajuda duma sra, full time com eles, pq ja havia um mano mais velho la em casa, entao foi um must have!!!
    O meu pai, teve de ser mãe tb. Isso teve de ser um requisito para os dias correrem, senao nao era possivel. Fui mt feliz a infancia toda e adoravamo-nos, as gemeas!

    ResponderEliminar
  4. Conheço um casal que aconteceu o mesmo.
    Primeiro tiveram 2 gémeas e dps 2 gémeos.

    ResponderEliminar
  5. Que coragem, parabéns. Eu também sendo mamã de um menino não me veio com gémeos quanto mais dose a duplicar. Vou seguir este blogue 😉

    ResponderEliminar
  6. Teve que contratar empregada, ah pois!!!
    Felicidades e boas aventuras!!

    ResponderEliminar
  7. OI
    adorei o tour q fiz pelo seu cantinho
    Abrass Renato

    Caixas MDF

    ResponderEliminar