quarta-feira, 29 de julho de 2015

a Mãe desbronca-se (#15) - Coisas do blogue

Hoje confesso que não tinha grande ideia do que vos escrever. Às vezes acontece. E sabem porquê? Porque a Irene demorou só 10 min agora a adormecer para a sesta da manhã e mal tive tempo para pensar um bocadinho.

Assim sendo, salvou-me a rubrica a Mãe desbronca-se



Vai com um mês de atraso (quase), mas vai, Cisca! Olá ;) Obrigada pelas perguntas e parabéns pela filhota de 10 meses. 

Devo dizer-te que a escrita partilhada é o motivo pelo qual conseguimos manter o blog actualizado. A Joana tinha um que não lhe dava grande actualização (mensal, apenas, mas também acho que era mais um diário da Isabel e menos um blog como este) e eu sempre tive blogs mas tinha grandes fases de escrita e outros de menos. 

Para o teu blog tenta arranjar maneiras de conseguires tê-lo sempre actualizado. Ou publicar e-mails que te enviem... ou artigos, não sei! ;) Às vezes só fotografias. Isto, claro, se for do teu interesse ter sempre mais pessoas a ler. 

Não foi nada disto que perguntaste, pois não? Estou a ficar velhota. Daquelas a quem perguntas onde é a sapataria e se põem a falar que antes, com o Salazar, é que era. 

Inicialmente tínhamos as duas alguns posts escritos e fazíamos uma gestão dos conteúdos que nos parecessem mais adequados. Imagina que a Joana tinha um muito fofinho sobre fazer bolachas para crianças e eu tinha um sobre não mudar a fralda há minha filha há 23 dias. Iamos publicando de maneira a que conteúdo fosse alternado, independentemente de quem o escrevesse. Não publicávamos dois amorosos de seguida, nem dois de cocó de seguida, enfim. Depois, ao final da semana, víamos quem tinha tido mais trabalho e tentávamos equilibrar as coisas. Púnhamos posts que sabíamos que iam ter mais sucesso nos dias de maior audiência, etc. 

Agora já não é assim. Já nos acertámos porque estava a ser demasiado confuso. Agora, num dia uma escreve dois posts (um de manhã e outro à noite) e a outra um à tarde e no dia seguinte trocamos. Cada uma tenta variar o conteúdo para o blog ir arejando mas, sinceramente, depois de quase 800 posts, já é um bocadinho só "o que nos apetecer dizer". 

Nenhuma se passa com a outra quando a outra escreve algo esquisito porque: 

1) os textos vão assinados, por isso, a autora que se cuide, que lide com isso.

2) quando temos dúvidas dos conteúdos (eu), pergunto sempre à Joana se há alguma maneira de dar a volta para que não cause tanta fricção ou só o que é que ela acha que posso melhorar. 

3) a Joana também me pergunta coisas, mas menos. É uma mulher mais segura de si. Ahah ;)

Há uma linha editorial já dentro da cabeça de cada uma que se rege muito por sermos genuínas, pelos inputs que vamos tendo das miúdas, daquilo que vamos vendo à nossa volta, etc. 

Falta alguma pergunta? ;)

Obrigada nós pela curiosidade. 

Estamos abertas a todos os tipos de perguntas, as respostas tardam mas... em princípio... hão de vir ;)

É só deixar um comentário aqui


3 comentários:

  1. E se a estas duas Joanas se juntar mais uma? Iam achar assim muito mau? Com a particularidade de eu ter uma menina mas também um menino de 2anos ;) Tenho um blog "muito meu" mas identifico-me tãoooo bem convosco!Quem sabe... :) Beijinhos! Joana!

    ResponderEliminar
  2. Já devia ter percebido essa prática de dois texto uma, um texto a outra e vira o disco, não já, Ando desatenta!
    Obrigada pela resposta e parabéns pelo blog! Já faz parte do dia a dia :)

    ResponderEliminar
  3. Gosto de ler os teus textos.
    Fazem-me parecer uma mãe normal.

    ResponderEliminar