quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Sexo depois do parto?

Seus pervertidos, se acham que vão encontrar aqui imagens eróticas, vão mas é ao Redtube. 

Revista Maria, afinal quanto tempo devemos esperar para ter relações sexuais depois do parto?
Ao almoço, uma amiga acertou na mouche: "vais poder fazer muito antes de te apetecer". Ahahahah! Tão verdade!

Os médicos falam de voltar ao activo entre quatro a seis semanas depois, tempo que os pontos demoram, regra geral, a cicatrizar, mas depende muito de cada caso. Se o parto tiver sido simples e sem episiotomia, pode ser antes. Mas a questão nem sempre é física. Sejamos realistas: emocionalmente a mulher pode não estar preparada, o parto foi uma coisa recente, houve uma mudança brutal na sua vida e os primeiros tempos são muito cansativos.

Como se tudo isso não bastasse, as mulheres tendem a ficar menos lubrificadas depois do parto, principalmente se amamentarem. Daí ser muitas vezes útil usar um lubrificante à base de água.
Depois, para muitos casais, o facto de terem o bebé a dormir mesmo ali ao lado torna a coisa meia estranha. Nesse caso, há que ser criativo: há outras divisões na casa.

Agora vamos ao que realmente interessa (porque, muitas vezes, tudo o resto são desculpas): a falta de líbido. É normal que não se sinta, nos primeiros tempos, vontadinha nenhuma. Também nesse caso se pode ser criativo: a penetração não é a única forma de prazer sexual e há várias maneiras de se mostrar cumplicidade. Uma boa dose de humor também resulta. Às vezes um elogio, um beijinho e fazer conchinha também não é nada mau. 

Tempos melhores virão, acreditem! Não tarda nada já estão a ter noites loucas e demoradas de sexo, com direito a prolongamento e a penalties. Ou então só têm 5 minutinhos, porque o bebé se lembra de invadir o campo, mesmo no momento de um lance perigoso. Há que estar preparado para um choro na hora H, mas esse enigma até pode apimentar a coisa.

Boa sorte!

Ah! E vocês, suas ninfomaníacas malucas, não vale a pena virem para aqui contar que convosco foi logo na maca a caminho do quarto da maternidade e que foi o melhor sexo da vossa vida. Escrevam antes uma cartinha à autora do 50 Sombras de Grey, que ela já deve andar a precisar de temas novos.

Sem comentários:

Enviar um comentário