1.09.2015

A mãe sabe há 2 meses! (festejamos com mamas)

O estaminé das Joanas faz hoje dois meses. Parabéns a nós! 

Para celebrar este grande acontecimento digno de um queque com uma vela dos chineses, começamos por relembrar o primeiro post escrito pela Joana Paixão Brás (que por acaso calha a ser esta que vos escreve e, por isso, sinto-me um CR7 a falar na terceira pessoa).

Ora o texto era uma Ode às Mamas (sim, sem til) e fez-me corar bastante porque até o meu chefe teve conhecimento do post. O meu pai comentou: "Valha-me Deus".

Vai-se a ver e não tem absolutamente nada de mal, não sejam púdicos. É só uma reflexão sobre a vida das mamas, no meu caso uma vida curta. De repente, vi-me com mamas e a confirmar que "a gravidez são os implantes mamários dos pobres", lá dizia o RAP. Depois, fiquei com cada uma de uma nação. E para terminar, uns autênticos saquinhos de chá.

Bem, pareço aqueles spoilers que relevam que o ator morre no fim. 

Vá, se chegaram há pouco tempo ao blogue, vão lá ler a Ode e depois digam-me: isto com um segundo (ou terceiro) filho ainda piora? Podemos pô-los às costas e mandar-lhes a mama para eles mamarem? 


Sem comentários:

Publicar um comentário