terça-feira, 10 de outubro de 2017

Como assim?? Aconteceu!! Finalmente!!

Estou incrédula e o pai da Irene também! Finalmente aconteceu! 

A nossa história no que toca a adormecimentos da Irene sempre foi muito... característica. Fui sempre a única que ela aceitava que a adormecesse até vir trabalhar. A partir daí, quando não estava, aceitava o pai.

Já a avó, nem por isso. O pai ou a mãe.

Hoje foi a avó. A Irene tem estado doente, diagnóstico incerto, mas antibiótico dado num piscar de olhos e hoje ainda não era dia para ir para a escola.

Para variar, decidi arriscar (não é muito a minha onda) e pensei: "vamos a isto!". 

Correu bem. Tão bem. 

Ela dorme, tranquila, depois de adormecida por uma das avós e tanto o pai como eu estamos a trabalhar. 

"Está tudo certo". 

Não vale a pena forçar timings. Quando é para ser, é. Quando não dá, há razões para isso. 


No verão do ano passado de férias com os avós.
PS - Pior, nem precisou de lhe abanar o rabo como nós. Foi lá "só com conversa"! :) Parabéns avó Celina e Irene :)


a Mãe é que sabe Instagram

11 comentários:

  1. Essa miuda manda em todos e só faz o que quer? Porque é que os pais se sujeitam a esses "quereres"??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma outra maneira de ver as coisas. :) Só isso!

      Eliminar
    2. Suponho que os pais não "se sujeitam", apenas optam por aceitar isso com tranquilidade. Que maravilha vivermos numa sociedade com liberdade de escolhas, de expressão e um rol infinito de outros blogs! Há gente chata, credo...

      Eliminar
    3. Eu cá também só faço o que quero, estou muito bem assim e as pessoas à minha volta não se queixam (muito). Parece-me um excelente compromisso :D

      Eliminar
  2. Por um lado é óptimo poderes dar-te ao luxo de fazer as coisas que ela quer, educando-a na mesma (nao estou a colocar isso em causa). MAs acho que te faz falta teres um segundo filho para te deixares de mariquices:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estando a Joana separada, acha mesmo que agora está a pensar num 2º filho?!...

      Eliminar
  3. Mas porque será que as pessoas só sabem abrir a boca para criticar. Caramba 😡😡😡😡

    ResponderEliminar
  4. Comentários ridículos, mais vale nem comentarem!!! Cada qual faz o que quer da maneira q quer e bem lhe apetece, por isso é que somos livres!!!
    Não são sequer obrigados a abrir o blog!

    ResponderEliminar
  5. Meu deus... um post que devia ser para partilhar a tua alegria de haver outra pessoa que consiga adormece-la que não tu e o pai, torna-se alvo de criticas. Enfim que sociedade malvada ! Parabéns, fico feliz por vós :) já o meu tem 14 meses e só me quer a mim, 1 vez ou outra aceita o pai.. Aii como eu te percebo hehe

    ResponderEliminar
  6. Ai mas tudo bota sentença??? Não há chorra, façam uma criançinha que já têm ocupação para uns aninhos!
    Ainda bem Joana, mais uma pessoa, para além do Pai que pode ficar com a cria para uma noite de ramboia eheh ;)

    ResponderEliminar