segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

As minhas duas miúdas

Estão numa fase mesmo, mesmo gira. Já interagem imenso, já se adoram e já se chateiam. A Luísa é uma paz de alma, raramente chora, mas agora já começa a mostrar de que fibra é feita quando a Isabel a arrelia demasiado ou quando lhe tira algum brinquedo/comando/chaves/porcaria com (o)a qual está a brincar. Com o tempo vai ganhando estaleca que isto não se pode ser boazinha a vida toda (ahah). 

Se temos momentos de "loucos"? Muitos. 

Se a Isabel continua a demonstrar alguns ciúmes e faz chamadas de atenção? Sim, claro {e ainda bem que os exterioriza}. 

Se é difícil chegar a todas (e são "só" duas) sempre? É e nem sempre se consegue {vão aprendendo a resiliência e a saber esperar - também lhes faz falta}. 

Se trocava isto por outra coisa? Não {só muito às vezes, quando estou "debaixo de fogo" e me apetece calçar uns ténis e correr 50 kms sem destino. Eu que nem estou habituada a correr}. 

O balanço é positivo, muito positivo. Há momentos de "ai Jesus", mas há momentos arrebatadores, de sorriso de orelha a orelha, de festinhas e abraços e beijos e danças malucas na casa de banho os quatro e de gargalhadas. É a Vida a acontecer com todo o seu fulgor.


Ser mãe de dois {de duas} é a coisa mais gratificante do Mundo. 








 
 
Coisinhas que podem ter achado giras:
Vestidos - Lanidor {saldos!}
Galochas - Igor


---------------------
---------------------
Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

6 comentários:

  1. Este vestidinho com galochas?!... Espero que a miúda não tenha saído à rua assim AHAHAHAH
    Se saiu, paciência, que se tenha divertido nas poças é o que interessa :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela é que escolheu! Lol mas olha que ficou bem giro!!

      Eliminar
    2. Mas que bem, já começa a ter olho para os pandant's. Pelo menos o tom está lá :-)

      Eliminar
  2. Por aqui também sou mãe de dois (um Vicente com 4 e uma Luisinha com 2 anos) e apesar de me apetecer fugir muitas vezes ( os 3 anos são uma idade tramada, mas espero que melhore agora que fez os quatro), mas não consigo deixar de pensar num terceiro filho. Paço o tempo exausta, adormeço no sofá quase sempre depois de os deitar, mas mesmo assim, e apesar de tudo, é maravilhoso. E espero mesmo ir ao terceiro!

    ResponderEliminar
  3. Diz quem não dorme nada de jeito há 5 noites e descobriu que tem que limpar a casa 2 vezes por semana porque a mais nova tem dermatite atópica muito agressiva, que não trocava o facto de ter duas filhas com diferença de 2 anos por nada do mundo. :P Foi a melhor coisas que alguma vez me lembrei de fazer. :P

    ResponderEliminar