Mostrar mensagens com a etiqueta yellow savages. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta yellow savages. Mostrar todas as mensagens

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Agora comentam a minha roupa?

Jaaaaasus! Tudo bem que algumas de vocês são uns amores lindos e que estão a fazer uma sugestão querida a uma miúda que lêem com frequência na net e que até a acham uma brasa, mas...  isto chegou a todo um novo nível. 

Gente, cada pessoa usa o que mais gosta. Aquilo com que se sentir mais confortável. Ou por ser onde se sente mais confortável, ou onde se sente mais confiante, ou o que estava em saldos e lhe deu na cabeça comprar por ser de uma cor gira... 

Acho que andamos a perder um bocadinho a noção quando comentamos "lá de cima" que determinada pessoa não se sabe vestir. Já não é o primeiro ou segundo post ou terceiro em que comentam a minha indumentária. 

Foi este o último post, jasus! 

Agradeço que me digam que não me favorece, são uns amores, mas "queredo!"! Não me ponham no tapete por causa disso que tenho 31 anos, são 31 minutos e ainda tenho coisas para fazer cá em casa. 

Se aqui a blogger de maternidade se quer vestir com o seu casaco preferido, a saia mais gira que tem no armário e uma camisola lindíssima que sempre que a veste adora ver-se ao espelho... deixem-na estar! 

O que importa é a maneira como nos sentimos com as roupas. O resto é postura. E essa temos a que conseguirmos ter e quando é preciso. 

Deixem lá aqui a blogger de maternidade em paz a sentir-se toda bonita nas fotografias. Mesmo que vocês não usassem as mesmas roupas ou não vos apeteça saltar-me em cima (num bom sentido). 

Pode haver roupa que me fique melhor mas que me deixe desconfortável ou menos vaidosa. Mas a maldade já não me serve tão bem.  Não sou propriamente uma pessoa que goste de ser fotografada e estou linda nestas fotografias. Linda e confiante.

Fotografia: Yellow Savages



Nota: o Facebook decidiu mudar o seu algoritmo e a partir de agora vai mostrar-vos mais posts dos vossos amigos e menos de páginas onde fizeram like. Querem saber quando publicamos coisas?

👉 Aqui na página de Facebook da Mãe clicam onde diz “A Seguir” e seleccionam "Ver Primeiro"
Sigam-nos também no Instagram:

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

As nossas brincadeiras.

# jogo do silêncio

Começamos a brincar a isto as duas. Não sei como terá começado - acho que fui eu, mas não tenho a certeza. O jogo do silêncio é, basicamente, lermos nos lábios uma da outra o animal que a outra está a dizer. Ela adora. E eu também. Hi-pó-pó-ta-mo. Divertimo-nos imenso. 


Estou apaixonada por estas fotos da Yellow Savages.

# ela fingir que é outra pessoa 

Por muito que às vezes me passe pela cabeça se isto é normal, cada vez mais entro na brincadeira. Preocupar-me-ia se ela se perdesse na fantasia, mas nem por isso. Eu sou a Joana Paixão Brás e ela é a Isabel e temos um Nenuco que é a Luisinha. 

# tem uma irmã que é um Nenuco

Deixa-me muito feliz vê-la a brincar com a bebé. É a brincar que consigo ver o que é que se passa na cabeça dela, qual é a percepção dela das relações e onde manifesta as suas preocupações do momento. A melhor maneira de saber o que se passa com ela é vê-la e ouvi-la a brincar. 

# somos a Selena Gomez e Jennifer Lopez

E damos um espectáculo num palco que é o tapete que agora pus no chão do quarto dela. Ela segura no microfone e eu numa garrafa de água. Ela canta no seu melhor inglês a "Wolves" da Selena Gomez e eu delicio-me a vê-la. 

# macaco de imitação

É tão simples quanto isso. A miúda adora que a imite. Estamos as duas sentadas na cama - dá-lhe mais para isto antes de ir dormir - e imitamo-nos. 



# nhecs

Lembram-se da brincadeira de há uns bons anos? A miúda adora e faz-me isso e eu a ela. Divertimo-nos muito. Ela já percebe mais ou menos o conceito e farto-me de rir. 


São algumas das brincadeiras do momento, além das outras coias que, quando tenho tempo, tento fazer com ela como já vos mostrei aqui nas 60 actividades para fazermos em casa


📷 Fotografias: Yellow Savages


🎔


Sigam o meu instagram e o d'a Mãe é que sabe :)
a Mãe é que sabe Instagram

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

6 dicas para haver menos stress até sair de casa de manhã.

Como vos contei neste post, as manhãs andavam a ser cada vez mais complicadas e dramáticas, o que influenciava um dia inteiro de stress e uma noite inteira de culpa por sentir que estava longe de ser "a melhor mãe possível". 


Hoje, durante a manhã, dei por mim a pensar nas várias técnicas que estou a utilizar neste momento para que tudo corra pelo melhor (e que, até hoje, resultam) - além de estar a tentar cuidar melhor de mim com uma alimentação mais saudável (sopa, vegetais, água, fruta, variedade...) e higiéne de sono (tenho a sorte de a Irene já fazer uma noite inteira de sono - FINALMENTE, estou convosco, mães que sofrem). Quero partilhar convosco: 

1- Acordar antes dela e "despachar-me" primeiro. 

Mesmo que isso implique acordar uma hora antes e deitarmo-nos uma hora mais cedo. No meu caso é: tomar banho (pinto-me depois na casa de banho no trabalho - até tem melhor luz), preparar o lanche dela com um desenho, escolher a minha mala, fazer a minha cama, tratar da areia dos gatos e dar um jeito à cozinha.

2- Não há televisão

A televisão hipnotiza e faz com que os nossos timings se tenham de reger pela duração dos episódios. Faz também com que comam mais lentamente. Sem televisão é mais rápido, ainda dá para conversa, para algum tempo de qualidade, dependendo da hora a que se levantem. Conheço famílias que têm de fazer longas viagens de manhã e acordar bem cedo e aí não sei mesmo onde "enfiar" a conversa. 

3- Música

Muda a disposição. Tanto. Hoje, em vez de birras, dançámos as duas juntas. Foram 30 segundos, mas que, de certeza, fizeram com que 30 outros "nãos" só porque sim não existissem. Além de estar a educá-la para a variedade (senão teria de por sempre o Bum Bum Tam Tam ou assim todos os dias e já me enjoei). 

4- Preparar a roupa dela no dia anterior

Não há sonos e pressas à mistura e, de manhã, é só equipar. Easy.

5- Usar o boneco preferido dela a nosso favor. 

"Repara, a Luisinha quer pentear-te agora e lavar-te os dentes... deixa a Luisinha". O que é giro é que funciona - pelo menos com a Irene - com todos os bonecos por isso a duração disto tem sido surpreendente

6- Verbalizar sempre a vantagem de progredir na missão "sair de casa".

"Anda que hoje vais levar o Spider Man para mostrar aos amigos". "Penteia-te que a seguir eu deixo-te escolher o teu gancho preferido".

Agora, daquilo que me lembro, muito depende também da forma como os acordarmos. Eu faço muitas festinhas pelo corpo e mostro-me bem disposta, ponho música calminha... A ver se continua a funcionar amanhã.

Fotografia Yellow Savages
Roupa - Little Jack 




Sigam o meu instagram e o d'a Mãe é que sabe :)
a Mãe é que sabe Instagram

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Já és menina.

Oh minha filha que, apesar de te chamares a ti própria de Tomás e de Rafa, te tornas uma rapariga tão crescida. 

Quando dormes na minha cama e te vejo essa coxa grande de menina atravessada ou quando tomas banho e inclinas a tua cabeça para trás sentido o comprimento do teu cabelo que, com muita vaidade tua, quase que toca nesse rabo que já só para dormir tem fralda.

Essa menina que já apanhei a ser vaidosa ao espelho. A inclinar a cabeça para se contemplar, para se sentir mais bonita. 

Essa garota que já sabe como mexer com os meus sentimentos e sabe que palavras como "é o último", "vá lá", "só um bocadinho", "eu prometo que" me derretem o coração. 

Esta miúda que já compreende muitas razões e que já sabe esperar nalgumas coisas. A garota que quer usar os ténis iguais aos da mãe mas que também quer ir de chinelos como o pai gosta de usar. 

A menina que pergunta muito porquê e que quer saber mesmo porquê. A miuda que, quando pergunto, tenta explicar o melhor que pode e até já começa frases com "imagina, se eu...". 

Eu imagino, filha. Tenho tido pouco tempo para isso no meio de tirar a carne para descongelar, preocupar-me contigo e comigo, mas eu imagino. 

Já tens 3 anos e meio e já és uma menina tão grande. O pai disse-me no outro dia que te foste vestir sozinha. 

És muito doce. Estás atenta a quem te rodeia e queres o bem de toda a gente. 

Quero ajudar-te em tudo o que puder. Quero que te vejas como eu te vejo. Esta paixão, este amor tão intenso que não muda só porque tu ou eu estamos com birra. 

Gosto muito que sejas uma menina e dou-te o colo que precisares à hora de jantar. Tenho a sorte de também me conseguires dizer o que precisas, mesmo que esteja mais desligada seja pelo que for. 


Fotografia - Yellow Savages 


a Mãe é que sabe Instagram

segunda-feira, 27 de março de 2017

Terei uma filha demasiado mandona?

Talvez. A verdade é que ainda acho graça!

Ora, na festa de aniversário das miúdas, tivemos a sorte de que todos os nossos convidados fossem recebidos por dois ursinhos mesmo muito carinhosos. Repararam que sublinhei? Foram mesmo muito carinhosos.

Fotografia Yellow Savages.
Depois falamos da nossa indumentária e de eu ter destruído os collants que tinha levado (nem me digam nada, pá), mas para já concentrem-se no facto da Joana Paixão Brás ter uma altura bastante considerável e os ursinhos darem uma abadinha das boas.

A meu ver, a festa começa logo pelo começo (uau, parece uma frase à Lili Caneças), mas é verdade. Dá logo aquele tom de surpresa e de expectativas em alta. 

Há uma amiga minha que fica muito nervosa (Renata, a sério?) quando vê pessoas mascaradas de cima abaixo, mas neste caso não se aplica. Apareceram ainda antes de estarem vestidos (calma, não estavam nús) para me pedirem indicações para a operação recepção e... fiquei com muito pouco medo. Não me quero alongar, mas estou indecisa se ficam mais carinhosos com fatos ou sem (muahahha - menos, Joana, menos). Até vos dizia que um é bodybuilder e o outro é mister Portugal, mas isso implicaria eu ter que assumir que fui ver o instagram deles que não fui (muito). 

Se também quiserem fazer uma festa de aniversário diferente, a Grand'Ideia tem sugestões que fiquei já com água no bico para o ano que vem: a limo party, o mini spa, a pijama party... Será que têm de fazer anos para fazer tudo isto? Apetece-me fazer isto sem pretexto nenhum. Logo se vê ;)

Depois de terem chegado as crianças todas, os ursos continuaram a fazer a festa, mas a Irene tratou de lhes dar direcções 

Fotografia: The Love Project 
A Irene teve dois ursos a darem-lhe o lanche. Ela que raramente admite que se quebre a hierarquia de cuidadores e das tarefas, achou que merecia ter dois ursos a darem-lhe o lanche na sua festa de aniversário. E os ursos, carinhosos, lá lhe deram o lanchinho. Nem imaginam o quanto me ri quando vi estas fotografias. Nesta altura eu deveria estar a atacar o presunto como se não houvesse amanhã. O costume.

Super satisfeita com esta Grand'Ideia e com estes ursinhos tão simpáticos e proactivos e... Será que dão jantares naqueles dias em que ela sai mais birrenta da escola? Eheheh é só mais uma ideia... ;)

...............

Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Ando insuportável.

Sinto, como já disse num post qualquer, que ando a dar rabias à idade. Ou, pelo menos, que vou crescendo mas que não dou por isso. Tenho praticamente 30 anos, mas sinto-me ainda aquela tonta que ouvia El Bosco e Wingfield num walkman da Sony no recreio. 

Por causa da sessão de que vos falei ontem aqui, acho que fiquei com a certeza de que estou numa fase maravilhosa. Nunca me senti tão bonita, tão cheia (vá, mãe, estou a falar do coração), tão alguém que me orgulho de ser e com maior consciência de si. Começo a acreditar naquelas "tretas" que ouvimos há anos de que "aos quarenta é que sabes o que é viver" ou que o "sexo na terceira idade é maravilhoso". É realmente inevitável achar-se que já se sabe tudo na adolescência, mas o sentir-se que não se sabe grande coisa é uma rendição que nos torna tão bonitas...

Sim, estou a falar de mim também. Sem vergonha digo que acho que estou bonita. Não só nestas fotos, mas um "ultimamente". Ser mãe, ao mesmo tempo que nos dá uma inquietude constante, também nos dá este ar "acabado". Não esse "acabado", este "acabado" de quem sente que não precisa de correr desenfreadamente para sentir tudo ao mesmo tempo por se sentir tanto todos os dias, tanto de muito.  Polido.

Ando insuportável de vaidosa, de feliz, de... não querer perder um segundo desta maravilhosa fase. Nem fase lhe deveria chamar porque ser mãe não é um pedacinho de tempo, é ter um pedacinho do mundo.

Obrigada, Inês, por me teres ajudado a sustentar as minhas suspeitas de que estou muita gira (ahah). 











Fotografia por Inês Ferraz - Yellow Savages (site aqui)
Macacões - Little Jack 
Local - Lx Factory


Sigam-me no instagram aqui @JoanaGama
e a nós aqui @aMãeéquesabe

Mãesura.

Nem acredito no impacto que isto tem no coração de alguém. Aos poucos tenho-me rendido a "isto" de ter fotografias tiradas por alguém que sente e vive fotografia. É daquelas profissões que toda a gente acha que consegue fazer "se tiver uma máquina", mas não é assim. Todos podemos divertir-nos com fotografia, todos podemos sacar uma "maravilhosa" fotografia com o telemóvel, mas a fotografia é mais do que uma fotografia. A fotografia é um juramento silencioso de apreciar a vida, recuada uns centímetros e muito mais devagar do que qualquer outra pessoa. 

O que sinto que há nestas fotografias é alguém que nos observa com um carinho enorme. Alguém que vibra por querer retratar o que me corre nas veias quando olho para a minha filha e as cores dela. 

Sinto que nos foi feita justiça. Que se vê a nossa ligação. 

Sofro de mãesura. Como sou eu que geralmente ando com a máquina, sou eu quem é cortada das fotografias da maior parte dos eventos especiais, dos momentos mais bonitos das memórias da minha filha. 

O nosso coração bate nestas fotografias. Daqui a muitos anos, quando a Irene se quiser recordar da mãe, quero que ela oiça a música que estão nelas, porque é aquela que nos faz dançar todos os dias desde que nos apaixonamos uma pela outra. 
























Fotografia por Inês Ferraz - Yellow Savages (site aqui)
Macacões - Little Jack 
Local - Lx Factory


Sigam-me no instagram aqui @JoanaGama
e a nós aqui @aMãeéquesabe