Mostrar mensagens com a etiqueta parceria. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta parceria. Mostrar todas as mensagens

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Dicas para o desfralde?



A Isabel e a Irene estão em processo de desfralde. A Isabel ainda usa fralda para dormir e a Irene ainda usa fraldas para fazer o nr.2. O "ainda" está ali a chatear-me, como se o normal fosse já não usarem. O normal é ir ao ritmo deles. E, por isso, decidimos gravar um vídeo sobre desfralde, comandado por eles. Estamos cá para ajudar, para incentivar, mas neste caso - e noutros - "o filho é que sabe". 


Foi muito divertido filmar as miúdas neste capítulo tão importante na construção da autonomia delas. Estavam todas orgulhosas a explicar tudo (a Irene é a coisa mais querida e explica-se tão, mas tão bem) e, além de terem feito uma degustação de toalhitas Kandoo - calma foi só com o olfacto, se bem que a Luísa chamar-lhes-ia um figuinho - pode ser que entusiasmem também os vossos filhos. 

Já conheciam estas toalhitas que, além de terem aromas, podem ser deitadas na sanita? São toalhitas próprias para que eles se limpem sozinhos e a verdade é que agora a Isabel não quer outra coisa - e eu orgulhosa fico de ver tanto desembaraço.

Se tiverem mais dicas a partilhar, sintam-se à vontade. E bons desfraldes!





............
............
Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Enfiava-me já dentro de uma banheira do novo gelado da McDonald’s



Se é para sonhar, sonha-se alto. Fica a dica para os senhores da McDonald’s, já que estão numa de novidades: uma espécie de SPA com gelado N’Ice Fruit morango (99% fruta), que é tão mas tão bom para quem, como eu, anda a ver se perde o ar de texiguinho (nada contra, são fofinhos, mas gosto mais de gazelas). 

Ontem tive a oportunidade de conhecer o primeiro quiosque “The Ice Spot by McDonald’s” que não é mais do que um quiosque (boa, Joana) independente do restaurante, onde se pode comer não só os tão famosos Sundae e Mcflurry, como também este novo geladinho saboroso, que pode ser servido em copo ou cone, e ainda se pode personalizar o gelado com toppings líquidos e crocantes. São os Spot The Cone (ou Spot the Cup). As gulosas como eu caíriam na tentação de mandar mini-suspiros, brownies, triple chocolate, caramelo salgado, cookies, smarties, amêndoas caramelizadas ou pistácio, tudo para cima do gelado, que eu sei. Já estão para aí a salivar, também sei. E há ainda os toppings líquidos: chocolate, caramelo, morango ou maracujá. Isto tudo numa outra gelataria sairia os olhos da cara, mas ali fica baratíssimo, o que também é apelativo. 

Agora tenho a boa notícia para as pessoas da margem sul ou para quem, como eu, vá à praia para aqueles lados e depois passa ali a comer um gelado: o primeiro The Ice Spot é no Almada Forum. As restantes vão ter de esperar mais um bocadinho porque a McDonald’s prevê abrir 4 spots destes em centros comerciais até ao final do ano. 

Agora chega de paleio e vamos às imagens. Preparem o babete, que vão babar-se todas.



Eu e a minha texuguinha número dois, depois da praia

segunda-feira, 27 de março de 2017

Para o ano não queremos menos que a Oprah na festa!

Aos poucos vamos revelando tudo o que se passou na festa, que foi tão gira que há de render umas três semanas de publicações. Estou a brincar (mais ou menos). A Gama já deu uns toques sobre os ursos (um pagode aquela miúda, mas eu comprovo que debaixo de tanta pelúcia há uns tipos muito... vistosos - e mais não posso dizer senão ainda vem aí a anónima do outro dia muito preocupada com o estado da minha relação com o David), e já mostrámos muito por alto a mesa e a decoração, mas hoje venho explicar-vos o que oferecemos aos convidados.

Nada mais nada menos do que brindes da Imaginarium e da LEGO! Tão fixe que até já temos uma leitora a perguntar por onde costumamos andar, para ver se os filhos ficam amigos das nossas (ahah adoro gente com sentido de humor!). A Gama já sugeriu que, como estamos a subir tanto a parada, para o ano falemos com a produtora do Preço Certo. No ano seguinte, nada menos que as da Oprah.


A Skye da FUNtoche no spot que criámos para alguns miúdos brincarem, com a mesa montessoriana da comida ao lado e com as surpresas atrás.



2 segundos e meio foi o tempo que a Luísa aguentou ali, tal como em casa. Só forrando o chão com 200 tapetes da Imaginarium.


As miúdas tão queridas a ajudarem-se a abrir os presentes da Imaginarium. Se tivessem mais uns anos, era vê-las a começar à batatada e a querer os mesmos presentes.

Uau! Uma bicicleta sem pedais evolutiva para a Isabel e uma trotineta para a Irene <3 (a Isabel já anda com ela cá por casa)

A LEGO também quis deixar as miúdas (ainda) mais felizes. A carrinha dos gelados e a casa da Doutora Brinquedos cá para casa! Yeah!

Um Kikonico miniatura?! Que amor.

Foi o brinde que todos os convidados levaram para casa, da Imaginarium. Já cá tenho um bem lambido.


O pormenor das máscaras que a Chan Events Planner (a responsável pelo conceito, mesa do bolo, salgados e decoração), que foram um sucesso. É isto que é pensar em TUDO!



Este brinde da Lego Education foi o preferido dos primos da Isabel.
"Até eu fiquei fã do "pack lego education" e acho que já não volta a sair da minha mala, para o puxar em caso de emergência num restaurante, consultório ou algo semelhante.
Como é que um pacotinho com pouco mais de 20 peças e uma cartas com ideias geniais pode dar tanto entretenimento?!", comentou aqui a mãe.

Os brindes foram adaptados à idade dos putos. Ficaram radiantes! (Nós também!)




Legenda para esta? Mesmo à boss (ou a mãe dela não bate bem). Ou à espera que parta o outro dentinho da frente para ficar simétrico.

Fotografias: The Love Project

............
............
Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Carta que eu quero que a minha filha leia com 18 anos

Querida filha,

Escrevo-te esta carta para que a leias no dia em que fizeres 18 anos. Nestes 18 anos, quis ensinar-te muitas coisas. E hoje volto a dizer-te que ÉS CAPAZ. Põe-te à prova. Constrói e volta a construir, ousa, arrisca.

Ama. Ama muito, de coração cheio. Confia, entrega-te, desilude-te e volta a amar. 

Brinca muito, filha. A vida toda. Canta, dança, suja-te, diz disparates, não tenhas vergonha. Diverte-te, brinca, ri-te alto, bem alto. 

Escuta o silêncio, desfruta da natureza! Cala o ruído de tablets, amizades pela internet, likes e corações que não batem. Escuta o teu coração, sente a pele na pele, o calor dos abraços e dos amigos de verdade.

Muda. As vezes que forem precisas. Muda de casa, de trabalho, de opinião. Só assim se cresce, só assim se aprende. Não há nada mais digno do que humildemente recuar. Recuar para depois avançar, sem medo.

Vai. Mesmo que isso me possa custar, vai, filha. Vai, vai viver, vai ser. Viaja, parte, recomeça. Aventura-te, arrisca, sê corajosa. No meu coração a palavra "regresso" vai estar gravada, mesmo que dele nunca partas.

Amo-te, mãe




Desafio-vos também a escrever uma carta ao vosso filho em www.cresceconsigo.pt, uma iniciativa Corine de Farme. Além de se habilitarem a ganhar 5000€ para a remodelação do quarto do bebé, receberão* em casa a carta impressa, para que a possam guardar e entregar ao vosso filho daqui a uns anos. <3
 
*até ao máximo de 5000 participações

Vejam aqui o vídeo que fiz para a Isabel:



............
............
Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Adoro não almoçar fora.

Durante a semana almoço sempre no trabalho. Trabalho no Grupo Renascença Multimédia e, anteriormente, trabalhavamos no Chiado com imensas opções fora do edifício: Vitaminas, pizzarias, os Armazéns do Chiado com a sua zona de restauração, restaurantes vegetarianos, etc. Mesmo assim, toda a equipa da Mega Hits (praticamente toda e todos os dias) prefere almoçar no local de trabalho e juntos. Se depois vamos passear, isso é com cada um. Gostamos de comer a comida que sabemos de onde veio e que está exactamente como nós queremos (comidinha de casa), comer ao nosso ritmo, não termos que esperar por mesas, esperar que nos atendam e sirvam, etc. 

Almoçamos todos juntos. Tínhamos um micro-ondas no nosso andar, devagarinho íamos aquecendo e conversando. Poupamos imenso dinheiro assim.

Agora, mudámos de instalações, estamos num sítio maravilhoso - Quinta do Bom Pastor em Benfica, e ainda nos estamos a ambientar a novas rotinas. O que sei é que agora tenho uma marmita cheia de glamour e que combina com o design modernaço dos nossos edifícios. 




Já tinha a marmita anterior e esta, além de ter um design ainda mais apetecível (estilo Apple com round edges), também se tornou mais prática por já não precisar do elástico para ficar bem fechada. Tem agora duas coisinhas (termo técnico haha) de lado (que, ainda por cima a tornam mais bonita) e que fecham perfeitamente os dois andares, além de acondicionarem os talheres-fetiche. Fetiche porque eu morreria se houvesse uma colecção destas para comprar e para ter em casa. São giros, pá. Engata-los-ia tranquilamente se os visse numa saída à noite. 





Ando também a ler um livro que se chama Comer Bem, Viver Melhor que, do que já li, diz que ao fazermos dietas que não nos estamos a ajudar minimamente nem a sermos mais saudáveis nem a emagrecer, que devemos mudar o nosso mindset e devemos é comer o melhor possível, saudavelmente, sermos foodists. Acho que trazer comida para o trabalho é parte da rotina que nos permite comer de melhor maneira e, ainda por cima, com uma marmita tão gira (e mala, viram a mala?) dá ainda mais gozo. É como se fosse uma extensão da minha obsessão por artigos de papelaria mas ao transporte de comida. 



Depois de estrear novas instalações, um novo estúdio também, adoro ter uma nova marmita em que traga a minha comidinha cozinhada pelo Frederico (sou uma mimada, eu sei ;)). 



Vocês também almoçam no trabalho? Eu juro que gosto! Sou uma Marmita Lover.

Marmita, mala e talhares - Smartlunch

quinta-feira, 3 de março de 2016

Qual é o problema? Já vos digo qual é o problema.

*Não sei como funcionam as coisas em vossa casa mas, na minha, concordámos que eu pagaria as contas da casa e pensei que teria ficado a ganhar porque gastamos imenso dinheiro em compras. Qual é o problema? Já vos digo qual é o problema. Este mês vou pagar mais de 300 euros de electricidade e gás. Bem sei que devia comunicar as leituras das coisas, mas esqueço-me e no meio de acertos e estimativas, visto que eu não tenho poupanças, lá vai ser um mês inteiro a conter-me, a ter que fazer imensas escolhas a não poder estar mais "à vontade”.



Começo a achar que devíamos redistribuir as contas lá em casa ou... então... vou  meter-me nisto: 3º leilão de energia da DECO.  Agora que percebi que é poupar dinheiro em gás e eletricidade, até ponho um reminder no telefone.





É ir a www.paguemenosenergia.pt e aderirem gratuitamente e assim podemos garantir as melhores condições de mercado.

A ver se deixamos de ter de gastar o dinheirinho fruto do nosso trabalho em coisas que poderíamos estar a pagar bem menos.



*post escrito em parceria com a agência de comunicação

quarta-feira, 2 de março de 2016

Ehhh leitoras brasileiras?

Andamos sempre a mil, andamos todas, não é? A Joana porque anda toda grávida e em mudanças e eu porque tenho uma vida exactamente igual à vossa e, portanto, estou sempre ocupada (menos quando não estou e adormeço em 10 min no sofá da sala antes de conseguir ver um episódio de seja o que for). 

De vez em quando vou cuscar as nossas estatísticas e reparo que há cada vez mais mulheres brasileiras a lerem-nos! Quero, acima de tudo, dar-vos as boas vindas! 

Adoro que não tenhamos nenhuma barreira linguística entre nós e assim, consigamos todos entender-nos de um lado para o outro do mundo (sendo que o mundo é redondo, não faz muito sentido, mas a fingir). 


A pensar em vocês, aceitamos uma parceria com a Timokids (conhecem?), é uma app para os telemóveis (eu sei que no início não queríamos, mas a verdade é que eles usam os nossos telemóveis e tablets), bastante simples mas que a Irene, por exemplo, adora virar as cartas ou pintar. Vamos pontualmente falar de conteúdos que vejamos no blog da Timokids e vice-versa. Não façam esse ar que não há dinheiro envolvido, 'tá? É só mais uma maneira de estarmos mais juntas!



Apesar de achar que, a maior parte das mães brasileiras, não reparou que somos portuguesas. E porquê? Porque, no fundo, não interessa. ;)

Se entretanto experimentarem a app, digam alguma coisa!