Mostrar mensagens com a etiqueta desenhos animados. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta desenhos animados. Mostrar todas as mensagens

9.05.2018

Que nostalgia!

Lembro-me como se fosse hoje. Acordávamos ao sábado de manhã e íamos a correr para sala, colocávamos a VHS pela enésima vez no leitor de cassetes e víamos as gravações em loop. Eu e o meu irmão já sabíamos as falas todas de cor dos nossos desenhos animados preferidos, que a minha mãe gravava do Clube Disney. Não me lembro do Clube Amigos Disney do tempo do tio Julião, com o Júlio Isidro, que começou precisamente no ano em que nasci – 1986 - mas sim dos outros meninos que apresentaram depois e vi até à fase em que Sílvia Alberto apresentar com o José Fidalgo (mas nessa fase já não era bem o tio Patinhas que me despertava interesse, se é que me entendem…).

Além dos desenhos animados gravados e vistos vezes sem conta, de vez em quando recebíamos cassetes dos filmes da Disney - a minha história preferida era a da Cinderela, até chegar o filme do Rei Leão – foi o primeiro que vi no cinema e marcou-me imenso, chorei baba e ranho e ri-me muito com o Timon e o Pumba (adoro a banda sonora!).

Além de todo o universo mágico dos filmes e das músicas, gostava também muito de ver as reportagens nos parques temáticos na Florida e depois em Paris, e sonhava em lá ir. Fomos em 1997, tinha eu 11 anos. Nesse verão, andei pela primeira vez de avião e realizei um sonho enorme: tudo aquilo foi absolutamente mágico, ver as personagens tão de perto naquelas paradas, andar nas montanhas russas e no Small World – inesquecível.


Quando a Isabel, que não era muito apegada a peluches até então, começou a gostar da Minnie, foi, para mim, muito especial. Quando vimos juntas os primeiros episódios a Casa do Mickey Mouse foi como ver nos olhos dela os meus. Quando fez dois e três anos, as festas na escola tiveram esse tema, claro. Mas se dantes andava repartida por mais canais infantis, agora é sem dúvida no Disney Junior que passa mais tempo: gosta da Guarda do Leão, da Doutora Brinquedos, da Caracóis Dourados e Ursinho e do Mickey e os Superpilotos (e da Ladybug no Disney Channel). Gostam as duas. E se dantes eu limitava bastante, agora acho que com conta, peso e medida, são momentos em família muito giros e até educativos, incentivando-os a encontrar formas de superar obstáculos e desafios com imaginação (e dão um jeitão quando precisamos de fazer qualquer outra coisa e elas ficam sossegadinhas – até a Luísa já se aguenta YEAH!). Confio bastante nos conteúdos deste canal.










Estreou esta semana às 20h30 a nova temporada do Mickey e os Superpilotos e lá vamos estar nós com os carros preparados para as corridas. Acho muita piada ao facto delas adorarem as transformações dos carros e de brincarem com as personagens com que eu brinquei (os meus pais chegaram mesmo a fazer umas imagens da Margarida e da Minnie, para decorar o meu quarto, em esferovite e pintadas à mão, lembrei-me agora! Que saudades!!! Agora fiquei nostálgica.)



Estreou agora também no Disney Junior a nova versão dos Marretas Bebés, quase 30 anos após a série original (estamos a ficar velhos, pá!). Elas adoram (e quando veem os mupis na rua ficam malucas: principalmente a Luísa). Não sei se conhecem a série, mas tem as personagens mais queridas, com o Cocas, o líder e a voz da razão do grupo, a Piggy que é destemida aventureira (tipo a Luísa), o Fozzie, o comediante com um grande coração, o Gonzo, que é o malabarista irreverente e o Animal, que é o rebelde, que cria as suas próprias regras (tipo Isabelinha quando parece estar na adolescência com apenas 4 anos). A juntar-se ao grupo, temos a nova Bebé Marreta, a Summer, uma pinguim artística e criativa que adora pintar, desenhar, cantar e dançar. A série é mesmo muito gira, cheia de aventuras e humor, na qual o poder da imaginação os ajuda a superar o medo do escuro, a aprender a não fazer batota, etc, etc. Lições importantes para as crianças apresentadas de uma forma muito simples, de 2ª a 6ª às 15h30.














Continuo a gostar muito de desenhos animados, e assim tenho a desculpa certa para continuar a vê-los! Até temos uma máquina de fazer pipocas (não acrescentamos nem sal nem açúcar e elas gostam), sentamo-nos no sofá e fazemos serões. E vocês? Que desenhos veem os vossos “piquenos”?




Encontram estes brinquedos Mickey e os Superpilotos em www.disneystore.pt/

*Post escrito em parceria com a Disney

4.02.2017

E os irmãos da Patrulha Pata, já conhecem?

Adoro a Patrulha Pata e sou cada vez mais comichosa com aquilo que ela vê na televisão e no iPad. Só comecei a dar aberturas para ela ver televisão depois de um ano - não aguentei mais, sinceramente - e agora acho que temos um bom equilíbrio entre televisão e não televisão. Sendo que vê televisão com o pai que ou está abraçado a ela no sofá a fazer mimos ou a explicar-lhe os desenhos animados. 

A festa da Irene e da Isabel foi da Patrulha Pata como puderam ver aqui, acho que são divertidos, educativos e interessantes para eles. E, nessa onda, descobri outros: os Super Wings! É uma série pré-escolar, nomeada para os International Emmy Kids Awards 2016 e estrearam no sábado que passou no Panda. 


 
Adorei o primeiro episódio. Reparo que também se trata de uma equipa, cada um com a sua função e personalidade e cor (tal como na Patrulha Pata) em que aproveitam para mostrar partes diferentes do mundo e pequenas curiosidades: que os Himalaias têm a montanha mais alta do mundo (o Everest uhhh como como a cadela) e que por lá se diz Namasté. Ensinam também outras coisas importantes como entreajuda, compreensão, etc. 

Claro que a ideia não é que eles aprendam estas coisas através de desenhos animados, mas já que vêem televisão que sejam coisas fixolas, não é? 

Durante esta primeira temporada vão conhecer mais de 52 cidades (uma por episódio) e vão para o ar sábados e domingos às 9h e às 18h. Eu vou pôr a gravar na box para, sempre que for oportuno, vermos em conjunto e aproveitar a dica para lhe mostrar onde fica no mundo (comprei um globo terrestre Montessori) e falar mais um pouco de cada cidade e cultura. 

Está aprovado pela Irene! :)

...............

Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.