sexta-feira, 7 de abril de 2017

2,5 kgs perdidos numa semana... a COMER!

*este título não é o mais importante do que eu consegui. A força mental, sim. Mas quis cativar-vos.

Não é novidade que as dietas iô-iô não ajudam ninguém. Aquela coisa de que para se perder peso se tem de fechar a boca (já ouvimos alguém dizer isso pelo menos uma vez na vida), isto é, ingerir menos calorias do que as que o corpo precisa, sabemos que pode resultar a curto prazo mas, como não é nada que possamos suportar ad eternum, acaba por resultar num aumento de peso exponencial assim que voltarmos a apanhar comida à frente.

Sabemos também que, em princípio, com uma dieta equilibrada, sem passar fome, e com muito desporto a coisa também se dá, mais devagarinho, mas mais consistentemente. Porém, nem sempre é fácil arranjar tempo para o exercício (csssss cssss - é o som da chibata, mas quero voltar que tenho uma corrida de 10kms para fazer já dia 22, socorro!!!) mas a alimentação é meio caminho andado para a perda de peso. Tenho-me vindo a aperceber de que COMER é a solução. E quanto mais limpa, do bem, for a comida, melhor nos fará. Se cortarmos ao máximo os processados, comendo quando temos fome e não segundo aquela imposição das 3 em 3 horas - e vamos ver que se comermos bem não vamos ter fome tão cedo - e baseando-nos numa dieta o mais próxima do paleolítico que conseguirmos (ou quisermos), garanto-vos que não só perdem peso (ganhando saúde), como se vão sentir com uma energia maior. Perdi logo na primeira semana 2,5 kg e a comer, sem esforço por aí além. Confesso-vos que o desmame do açúcar não é fácil, passar a beber café sem adoçar também não, mas prometo que o vosso corpo se vai adaptar e vão agradecer.
Eu não sou "fundamentalista" (aliás, podem ver os estragos que fiz no fim-de-semana - e não foram poucos), mas com algumas alterações vi logo resultados. Não sigo paleo à risca, mas é dos estilos de vida/alimentação que mais sentido me faz (viram a entrevista do Alta Definição com o Dr. Manuel Pinto Coelho? VEJAM!) e, por isso, apesar de andar ali muito na zona "cinzenta" e comer coisas que não são perfeitas, se fizer 80% já considero muito bom. Tenho uma amiga que perdeu 21kgs, está a maior brasa, e acima de tudo, está muito mais saudável. Se tiverem interesse, entrem no grupo Paleo Descomplicado.

Como não faço PALEO a 100%, mas não quero asneirar muito, ataco um dos muitos snacks da The Healthy SnackBox, que tem coisas maravilhosas (e cada vez me surpreendo mais), mas tenho-me vindo a aperceber de que frutos secos, um ovo cozido ou cenouras são um óptimo snack.

Sim, amamento (e muito). Li muito e, depois de iniciar com esta mudança de vida, passei a conhecer melhor o meu corpo. Nas semanas em que não cumpro à risca, não aumento, apenas não perco grande peso. Mas volume? Está à vista. Agora, para tudo ser perfeito, falta exercício físico, mas estou pronta para dar esse passo, deixando a Luísa com alguém de confiança, 1 hora e meia por dia, 3 vezes por semana.

Uma publicação partilhada por Joana Paixão Brás (@joanapaixaobras) a



Salada de atum, maçã verde, ovo, azeitonas, rúcula, alface. "Tosta" de queijo e atum. Tomate. Morangos.

Waffle saudável (com polvilho doce e azedo, ovo e queijo grego) e abacate com limão e canela. Kiwi e morangos. Café com óleo de côco e canela.


Quiche sem base, com ovo, polvilho, cogumelos e espargos

Pequeno-almoço: ovo mexido, abacate e kiwi.

Empadão de atum com batata doce. Salada. Ali ao lado acho que era abacate com limão e coentros.

Waffle com morangos, "chantily" de côco.

A caixinha dos meus snacks maravilha (nem tudo é paleo, mas eu gosto de "misturar". :)



Pudim de matcha com chia - muito cremoso e suave.


 .............
............
Sigam-nos no instagram aqui 
a mim também aqui e à outra Joana aqui.
O nosso canal de youtube é este.

33 comentários:

  1. Uau!! Adoro... Faço ginasio 2 x por semana e corro outras 2 e está a demorar muito tempo a perder. Há metabolismos e metabolismos. Estou nesse grupo, mas ainda n ganhei coragem para adoptar esse estilo de vida. parece-me tão dificil... o meu paozinho da manhã... ai n sei se consigo ficar sem ele!! :) beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que consegue! É só mudar o chip. Se tem força para o exercício terá para o resto! Faça "pão" paleo de vez em quando para matar a gula 😄 Beijinho!!

      Eliminar
    2. Acredite que consegue. Eu amava pão. Era pão a toda a hora, mas ao pequeno-almoço era sagrado. E o belo do galão. Agora descobri que há amores que seguem caminhos separados... O pão e o galão foram à vida deles, e agora eu como ovos com aveia, em panqueca, com banana e canela... Ou aveia com côco, cacau, chia... Ou abacate com ovo. Ou papas de milho... Estou portanto enamorada de novo e este amor faz-me melhor. Sinto-me mais saciada, demoro mais tempo a ter fome, sinto-me mais leve e com mais energia. E tenho vindo, sem grande esforço, a perder peso. Sem pressas, o importante é mantermo-nos no caminho.

      Eliminar
    3. Ana Filipa obrigada... Por acaso o meu receio é achar que não vou ficar saciada com por exemplo ovos mexidos ao pequeno almoço, mas se me diz que sim, vou tentar adoptar o paleo seriamente :) obrigada pela resposta. beijinho

      Eliminar
  2. Olá Joana, desde Janeiro que também sigo o paleo descomplicado e alterei a minha alimentação (em casa também nomeadamente a da minha filha de dois anos e meio). Desde Janeiro emagreci 7 Kgs e perdi muitos centímetros. Ainda me falta alguns kilos para ficar com o peso que tinha antes de engravidar (65kg) actualmente estou com 75kg.
    Confesso que com bastantes asneiras no meio, mas sim é uma mudança para ficar.
    Suse Sousa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 7 kgs já é muito bom, o importante é começar e apanhar-lhe o gosto! Beijinhos Suse

      Eliminar
  3. Eu comecei a fazer esta alimentação em Fevereiro, dia 9 de Janeiro tinha iniciado a dos 31 dias,mas apresentaram me esta e adorei e continuo a adorar. Ja perdi 10kg e saude ganhei! Também não sigo a 100%,mas como diz a Joana se seguir 80% já me dou ppr feliz. Parabéns está linda😘.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uau! 10 kgs é maravilhoso! Uma das coisas que gosto nisto é não haver obrigatoriedade de receitas nem coisas difíceis de cozinhar! É fazermos conforme os nossos gostos :) obrigadaaa

      Eliminar
  4. Parabéns Joana!!!!! De onde retirou estas receitas? Foi do grupo Paleo Descomplicado? Têm um aspeto delicioso!!! beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou tirando sim e inventando já muito :)

      Eliminar
    2. Obrigada e parabéns mais uma vez!! Já tinha aderido ao grupo há algum tempo por curiosidade, mas nunca tinha experimentado nenhuma receita. Acho que foi desta que me convenci!!!

      Eliminar
  5. O meu problema com Paleo resume-se em 2 palavras: pão e queijo. Não consigo não comer 1x por dia um destes!!! De resto faz-me todo o sentido, sempre achei que comer diversificado e o mais natural possível era o melhor, carne <1 vez por semana e 0 leite. Agora pão e queijo?! Como, senhoras? :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há queijos que pode. Há pão que pode (tem é de fazê-lo). Nunca me aventurei no pão, mas faço uma espécie de tosta (ou pão de frigideira) que fica uma delícia!

      Eliminar
    2. Como é esse pão/tosta de frigideira Joana?

      Eliminar
  6. Olá Joana!
    Também já ando a tentar mudar o chip e regrar a minha alimentação... como a Joana, também não consigo seguir a 100% mas evito ao máximo os processados e aposto nos produtos (legumes e fruta) biológicos!
    Também tento andar atinadinha no exercicio (2/3 vezes por semana) mas a verdade é que não tenho visto resultados visiveis ainda... o que me desmotiva!
    Além de que... para tentar conciliar isso tudo, com um pirata de 4 anos e uma pinchavelha de 7 meses... quando chego à cama, parece que fui atropelada por um camião...
    Nesta gravidez ganhei mesmo muuito peso... e está a ser muito dificil ver o valor na balança baixar... Olho ao espelho e... bem... prefiro nem olhar :(
    Bjinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Percebo-a! :/ apesar do mais importante passo estar dado: comprar comida de verdade e do exercício físico, talvez lhe esteja a faltar mesmo espaçar mais as refeições e para isso terá de as reforçar, comendo mais e melhor (com gorduras saudáveis como o abacate, por exemplo). Tente ler o conceito paleo no link que pus acima e adaptar a si! Quase de certeza que vai resultar! Beijinho

      Eliminar
  7. Respostas
    1. Tenho os links no final do post :) obrigada! :) a página do FB é a mãe é que sabe, com 59 mil seguidores

      Eliminar
  8. Olá Joana, cá em casa a filosofia é a mesma...os meus filhos adoram!!! Sem fundamentalismos com muita diversão e criatividade!
    Já agora o que é matcha e onde se compra??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Superalimento, há no celeiro

      Eliminar
  9. Brutal Joana! Parabéns, estás top. A comida tem muito bom aspeto e fiquei curiosa sobre o assunto 🤔

    ResponderEliminar
  10. Quem me dera Joana, mentalizo-me mas depois volta tudo ao mesmo, alias dito isto estou a comer um chocolate :(

    ResponderEliminar
  11. Parabéns, Joana! Yey!!!E a receita do pão de frigideira, onde arranjaste? :p

    ResponderEliminar
  12. Obrigada Joana!! Andava eu à procura de uma crate ou box de coisinhas fixes e saudáveis :D

    ResponderEliminar
  13. Oh Joana que bonito este post e provavelmente delicioso!

    Há dois anos iniciei com o meu marido a introdução de uma alimentação paleo. Ele perdeu 10 kg e nunca mais recuperou, mesmo agora que vamos fazendo alguns abusos. Eu desisti a meio e perdi apenas 5 kg. Mas o que me aconteceu foi falta de criatividade no pequeno almoço, porque fazia sempre o avo mexido da mesma forma e, claro está, passado duas semanas já estava enjoada e não conseguia comer mais. Com a questão do açúcar sempre tive mais cuidados e há muitos anos que não uso açúcar em nada.
    É um facto que este tipo de alimentação resolve vidas, tanto a nível emocional como físico. É brutal!
    Agora estou com muita vontade de aprender receitas novas e tentar ser mais criativa para que não aconteça o mesmo. Este post é uma inspiração!

    Obrigada Joana!

    Sucesso e um beijinho.

    ResponderEliminar
  14. Olá Joana,
    Grande mudança... fiquei super curiosa com as receitas ;os wafles que fazes para a Luisinho, etc... são receitas complicadas ?! Altera a cozinha completamente? Beijinhos e obg

    ResponderEliminar
  15. Eu também precisava de perder uns quilos, mas não é fácil pk não gosto de legumes. Eliminei os sumos e os doces vamos no que vai dar.

    ResponderEliminar
  16. Joana, não quer partilhar umas receitas? Era optimo. É tão difícil começar!

    ResponderEliminar
  17. Olá Joana, antes de mais parabéns!
    Será possível dar algumas receitas? Comecei esta semana e ainda estou a começar esta aventura. Obrigada

    ResponderEliminar
  18. Parabens Joana! Está fantástica!
    Já tinha desistido da dieta paleo ( é extremamente dificil encontrar alimentos sem ser processados)mas o seu post fez me voltar a iniciar.
    No entanto, o facto da Joana estar a amamentar, ajuda imenso a ter uma perda mais rápida de peso :)
    Também da mais fome..... é verdade...... :) ,mas eu enquanto amamentava podia comer este mundo e o outro sem nunca aumentar de peso :)
    Um grande beijinho. Está girissima

    ResponderEliminar
  19. Boa tarde Joana. Fiquei muito interessada neste artigo mas precisava de uma ajuda. Onde posso encontrar a receita dos waffles e do empadao de atum e batata doce e tambem da quiche. Espero que me possa ajudar. Muito obrigada

    ResponderEliminar
  20. Isto do amamentar e emagrecer é relativo (falo por mim)
    Amamento a 5 meses e n saiu dos 73 engravidei tinha 60 keria tanto perder isto k tenho a mais ajuda Joana 😁😁 da umas dicas bjoes

    ResponderEliminar
  21. Que tal postar algumas das receitas que usa?

    ResponderEliminar