quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

A Irene fingiu que acreditava no Pai Natal.

Por que escrevemos Pai Natal com letra maíscula? Será que era por ser inicialmente um santo? Ou será que é um resquício de crença no indivíduo que distribui prendas à parva pelo mundo inteiro e que tem probabilidades de vir a ter gota? 

Neste Natal decidiu-se (meio à última da hora) continuar com o meu irmão vestido de Pai Natal. Já no ano passado não tinha colado decentemente - apesar de ter deixado uns 10% de dúvida - e este ano foi "pior ainda". 



A Irene, quando chegou o "Pai Natal" (o melhor é pôr entre aspas não vão vocês pensar que, por ser blogger, tive direito ao verdadeiro Pai Natal lá em casa), fez uma festa incrível e, quando ele - sem falar (está sempre rouco o nosso Pai Natal, senão ela reconheceria a voz) - lhe pediu uma bolacha, ela foi a correr buscar.


Brincou muito a abrir os presentes. Animou o Natal da família inteira e até decidiu que queria dormir em casa da avó. Dormimos. Antes de adormecer (uma eternidade até conseguir, deve ter sido da quantidade absurda de Guylian que emborcou mais ou menos de fininho), disse-me que não acreditava no Pai Natal, que sabia que tinha sido um menino com barba a fingir, mas que tinha gostado na mesma. 

Não lhe tinha perguntado nada e tenho pena que ela já não acredite, mas foram demasiadas pistas. Nomeadamente ver um Pai Natal em cada centro comercial e ter um aspecto diferente. Começou a desconfiar. Meh. 

E os vossos? Como foi a relação deles com o Pai Natal?

Nota: Só agora reparei que... ahahah além de não falar, o Pai Natal também usa óculos escuros, ahah. Estamos mesmo a subestimar a miúda, credo. Ahah. 


14 comentários:

  1. Nunca achei graça a essa tradição de um membro da família se vestir de pai natal, acho sempre forçado e prefiro criar a magia do pai natal que passou enquanto eles dormiam. Para já com 3 e 5 anos ainda acreditam, tentamos ir só a um sítio para ver o pai natal para quem não vejam 30 antes da noite de natal.

    ResponderEliminar
  2. E depois temos a minha cunhada, um doce de pessoa, que diz à filha, de 7 anos, na noite de natal "já te disse que o pai natal é mentira, são as pessoas que inventam isso". Enfim…

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E então? Que mal tem dizer a verdade? Apoio a 100% a coragem dessa mãe, por fugir a tudo o que é suposto e dizer a verdade à filha.

      Eliminar
    2. Pergunto o mesmo.. E então? Conheço uma rapariga que nunca teve a magia do Pai Natal porque os pais nunca 'fomentaram' isso. E pasme-se, cresceu sem traumas.

      Eliminar
  3. Para prolongar a magia o máximo de tempo nas crianças, na minha opinião,não pode haver grandes aparições de Pai Natal na noite. A história seria: os pais Natal que se vêem por aí são pessoas que se vestem para fingir. O "verdadeiro" só vem mesmo na noite de Natal. Nessa noite, o saco das prendas aparece após uma campainha que toca apressada ou pode também alguém vestir-se mas aparecer muito fugazmente com pouca luz e sem conversa, só um rouco hohoho.

    ResponderEliminar
  4. Este ano a minha cunhada decidiu vestir-se de mãe natal, com os 2 filhos mais velhos vestidos de Pai Natal... O meu filho de 3 anos descobriu logo, mas felizmente o Pai Natal "verdadeiro" tinha posto uma prenda no sapatinho na noite anterior..! Ainda bem que antecipei, assim justifiquei que aqueles não eram verdadeiros e que o verdadeiro vem só quando os meninos estão a dormir :)

    ResponderEliminar
  5. Cá em casa nc houve ng vestido de pai natal já por causa disso.. organizo outras cenas com músicas de sinos e trenós do pai natal e qdo ele ouve a música vai a correr para a árvore e plim já há presentes! teve um ano q ainda viu trenó a voar no céu �� este ano resolvi escrever uma carta para ele, mas assinei cm pai Natal.. Consegui fazer com q ele este ano ainda acreditasse no pai Natal e na magia do Natal.para o ano logo se vê! Bom ano para vcs as duas!
    Inês B.

    ResponderEliminar
  6. Cá em casa nc houve ng vestido de pai natal já por causa disso.. organizo outras cenas com músicas de sinos e trenós do pai natal e qdo ele ouve a música vai a correr para a árvore e plim já há presentes! teve um ano q ainda viu trenó a voar no céu �� este ano resolvi escrever uma carta para ele, mas assinei cm pai Natal.. Consegui fazer com q ele este ano ainda acreditasse no pai Natal e na magia do Natal.para o ano logo se vê! Bom ano para vcs as duas!
    Inês B.

    ResponderEliminar
  7. A minha disse que o pai natal era parecido com o tio 😂😂😂

    ResponderEliminar
  8. Não tenho puto de pachorra para pessoas que acham que é uma atrocidade "fazer" os pequenos acreditar no Pai Natal. Deixem os miúdos sonhar, caramba! Quando chegar a altura eles percebem sem dramas, ninguém precisa de anos de terapia por causa disso, senhores.
    Geralmente são as mesmas pessoas que dizem que o presentes vieram da parte do menino jesus, que é filho de uma moça virgem e pai carpinteiro! Aaah, a ironia nisto tudo 😂

    Cá por casa acreditamos todos no Pai Natal. Deixamos bolachas, leite e cenouras para as renas. E as prendas aparecem à noite junto das pegadas feitas com farinha. O teu irmão pai natal está hilariante! Eu ia passar o tempo todo a rir-me!

    Boas Festas

    ResponderEliminar
  9. A minha filha tem 3 anos e nós nunca construímos essa fantasia da existência do Pai Natal. Não nos faz sentido criar essa fantasia. Agora ela vê TV, lê livros e na cabeça dela o Pai Natal existe. E ela encontrou maneira de coexistir os "dois mundos": ela acha que o Pai Natal existe mas também sabe que somos nós que compramos as prendas.

    ResponderEliminar
  10. O meu filho de 4 anos disse que sabia que o Pai Natal era o papa. E eu disse como?!? E ele respondeu: Vi os sapatos. Eram os do papa. Para o ano acho que o Pai Natal vai decalço!

    ResponderEliminar
  11. Eu acho maravilhoso as crianças acreditarem no Pai Natal. O brilho nos olhos da criança quando descobre que o Pai natal deixou mesmo um presente debaixo da árvore e comeu as bolachas é mágico. :)

    ResponderEliminar
  12. O Pai Natal lá em casa, passa de fininho, perto de qualquer janela ou porta, faz barulho mas nunca ninguém o vê porque está sempre cheio de pressa.... este ano foi na janela da sal... quando demos por ele, já tinha ido... elas têm 7 anos e já desconfiam mas ainda sem certezas. Para acreditarem nessa de haver muitos pais Natal, optámos por, só há um verdadeiro, os outros são a fingir, o verdadeiro é o pai Natal Seferino do Colombo, os outros são a fingir para que todos os meninos possam ter uma foto com o pai Natal. Elas são umas privilegiadas em poderem tirar uma foto com o verdadeiro!! :p

    ResponderEliminar